Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 10 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Agustina Bessa Luis recebe o Prêmio Camões


Da AFP

20/05/2004 | 09:17


A escritora portuguesa Agustina Bessa Luis, 81 anos, recebeu o prêmio Camões-2004, a recompensa literária mais importante concedida por Portugal e Brasil a escritores de língua portuguesa.

"É uma escritora universal e este prêmio coroa uma longa carreira, caracterizada por uma capacidade singular de recriar universos em cada obra que publica. Ela recupera a tradição da grande ficção portuguesa do século XIX e analisa certos aspectos da sociedade portuguesa e da condição humana", declarou o poeta Vasco Graça Moura, membro do júri.

Agustina Bessa Luis já publicou quase 50 livros de ficção, traduzidos para vários idiomas, assim como peças de teatro, roteiros, biografias e contos infantis.

O Prêmio Camões, criado em 1989, já foi concedido aos portugueses José Saramago e Sophia de Mello Breyner Andersen, assim como aos brasileiros Jorge Amado e João Cabral de Melo Neto. Outros escritores que o receberam foram o angolano Pepetela e o moçambicano José Craveirinha.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Agustina Bessa Luis recebe o Prêmio Camões

Da AFP

20/05/2004 | 09:17


A escritora portuguesa Agustina Bessa Luis, 81 anos, recebeu o prêmio Camões-2004, a recompensa literária mais importante concedida por Portugal e Brasil a escritores de língua portuguesa.

"É uma escritora universal e este prêmio coroa uma longa carreira, caracterizada por uma capacidade singular de recriar universos em cada obra que publica. Ela recupera a tradição da grande ficção portuguesa do século XIX e analisa certos aspectos da sociedade portuguesa e da condição humana", declarou o poeta Vasco Graça Moura, membro do júri.

Agustina Bessa Luis já publicou quase 50 livros de ficção, traduzidos para vários idiomas, assim como peças de teatro, roteiros, biografias e contos infantis.

O Prêmio Camões, criado em 1989, já foi concedido aos portugueses José Saramago e Sophia de Mello Breyner Andersen, assim como aos brasileiros Jorge Amado e João Cabral de Melo Neto. Outros escritores que o receberam foram o angolano Pepetela e o moçambicano José Craveirinha.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;