Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 3 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Prefeitura e governo discutem transporte na Grande SP


Do Diário OnLine

16/08/2004 | 12:46


Representantes da Prefeitura de São Paulo e do governo estadual se reúnem para discutir, nesta segunda-feira, o valor da passagem para os moradores da região metropolitana que pegam ônibus em suas cidades e passam pela capital paulista.

O impasse entre as administrações começou com a inauguração do Passa-Rápido Jardim Ângela/Guarapiranga/ Santo Amaro, na Zona Sul, no dia 8 de agosto. Inicialmente, os ônibus intermunicipais (EMTU) foram proibidos de circular pelos corredores, mas depois liberados.

Segundo o secretário de Transportes da capital, Gerson Bittencourt, os usuários poderão até ser beneficiados com um bilhete único. Eles poderão optar entre pegar um ônibus que faz trajetos alternativos, que não passam pelos corredores de ônibus, ou em fazer baldeação em terminais da Prefeitura para veículos que operam somente no município de São Paulo.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Prefeitura e governo discutem transporte na Grande SP

Do Diário OnLine

16/08/2004 | 12:46


Representantes da Prefeitura de São Paulo e do governo estadual se reúnem para discutir, nesta segunda-feira, o valor da passagem para os moradores da região metropolitana que pegam ônibus em suas cidades e passam pela capital paulista.

O impasse entre as administrações começou com a inauguração do Passa-Rápido Jardim Ângela/Guarapiranga/ Santo Amaro, na Zona Sul, no dia 8 de agosto. Inicialmente, os ônibus intermunicipais (EMTU) foram proibidos de circular pelos corredores, mas depois liberados.

Segundo o secretário de Transportes da capital, Gerson Bittencourt, os usuários poderão até ser beneficiados com um bilhete único. Eles poderão optar entre pegar um ônibus que faz trajetos alternativos, que não passam pelos corredores de ônibus, ou em fazer baldeação em terminais da Prefeitura para veículos que operam somente no município de São Paulo.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;