Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 5 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Sul-coreanas prestam condolências a Kim Jong Il

Da AP Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


26/12/2011 | 04:49


As viúvas de um ex-presidente sul-coreano e de um ex-magnata dos negócios do país cruzaram a fronteira nesta segunda-feira para uma viagem à capital norte-coreana, Pyongyang. A visita tem como objetivo prestar condolências pela morte de Kim Jong Il, ocorrida no dia 17, informa o "The Wall Street Journal".

 

Foram autorizadas a entrar na Coreia do Norte a atual presidente do grupo Hyundai, Hyun Jeong-eun, e a ex-primeira-dama Lee Hee-ho, viúva do ex-presidente sul-coreano Kim Dae-jung. Elas vão liderar duas pequenas delegações. As visitas são as únicas aprovadas oficialmente pelos governos dos dois países - que tecnicamente permanecem em estado de guerra.

 

O corpo do ditador norte-coreano está em exposição em um caixão de vidro há quase uma semana no palácio onde seu pai, Kim Il Sung, fundador da Coreia da Norte, está em exposição permanente. O funeral de Kim Jong Il está marcado para quarta-feira, mas o governo do Norte disse que estrangeiros não estão convidados. A delegação sul-coreana deve retornar na terça-feira. As informações são da Dow Jones.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sul-coreanas prestam condolências a Kim Jong Il


26/12/2011 | 04:49


As viúvas de um ex-presidente sul-coreano e de um ex-magnata dos negócios do país cruzaram a fronteira nesta segunda-feira para uma viagem à capital norte-coreana, Pyongyang. A visita tem como objetivo prestar condolências pela morte de Kim Jong Il, ocorrida no dia 17, informa o "The Wall Street Journal".

 

Foram autorizadas a entrar na Coreia do Norte a atual presidente do grupo Hyundai, Hyun Jeong-eun, e a ex-primeira-dama Lee Hee-ho, viúva do ex-presidente sul-coreano Kim Dae-jung. Elas vão liderar duas pequenas delegações. As visitas são as únicas aprovadas oficialmente pelos governos dos dois países - que tecnicamente permanecem em estado de guerra.

 

O corpo do ditador norte-coreano está em exposição em um caixão de vidro há quase uma semana no palácio onde seu pai, Kim Il Sung, fundador da Coreia da Norte, está em exposição permanente. O funeral de Kim Jong Il está marcado para quarta-feira, mas o governo do Norte disse que estrangeiros não estão convidados. A delegação sul-coreana deve retornar na terça-feira. As informações são da Dow Jones.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;