Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 8 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Grupo 1 de Santo André faz desfile de desafios


Verônica Fraidenraich
Do Diário do Grande ABC

26/02/2006 | 07:59


A primeira a-gremiação a pisar na passarela do samba de Santo André neste domingo, às 20h10, será a Beleza Pura. A escola abre neste domingo o desfile do grupo de elite por ter sido campeã do grupo dois em 2005. Mas o posto de primeira da noite não agrada aos integrantes da agremiação. “É complicado, existe o comentário de que jurado segura nota, não vai dar dez de primeira”, observa Vicente Carlos da Silva, presidente da Beleza Pura. Ao mesmo tempo, o fato  injeta um ânimo extra na escola que promete se esforçar para conquistar a simpatia do júri com o samba-enredo Sou brasileiro beleza pura sim senhor.

Já para a escola de samba Seci, campeã do grupo principal do Carnaval de 2005 em Santo André, a preocupação maior era de terminar tudo a tempo. Na sexta-feira, a agremiação do Jardim Rina procurava o apoio de algum comerciante para finalizar os últimos detalhes dos carros alegóricos. O presidente Edvaldo Jatobá de Lima estava apreensivo também com o tempo na cidade. “Os carros estão cobertos porque. se chover, estraga tudo”. A escola não tem quadra e ensaia num terreno emprestado pela Prefeitura, debaixo de uma lona de circo, espaço pequeno para os carros.

A agremiação até tentou vender fantasias como alternativa para conseguir mais verba, mas não conseguiu. “Algumas escolas novatas do interior nos procuraram, mas ofereceram muito pouco”. Lima diz que, mesmo em cima da hora, estaria disposto a vender todo o samba-enredo, fantasias e carros alegóricos. “O regulamento não proíbe a venda, somente a compra”.

No ano passado, a Seci foi alvo de críticas por ter vendido todo o desfile para a Acadêmicos do Taí, de São Bernardo. O regulamento do Carnaval de Santo André não prevê punição para a venda; exige, apenas, que a apresentação seja inédita. A Taí usou as fantasias um dia depois do desfile da Seci, que neste ano será a quinta escola a desfilar.

Para a escola Palmares, segunda a entrar na passarela ho-je, a chegada do desfile representa não só o momento mais esperado de um ano de trabalho, mas um acordo de paz com os vizinhos. É que, como várias outras agremiações, os 450 integrantes não têm onde ensaiar e usam as ruas da Vila Palmares para afinar os passos e a batucada do tema Amor sublime amor. Assim como a Leões do Vale, a Palmares possui uma das maiores torcidas do Carnaval.

A Leões do Vale, do Jardim I-rene, será a terceira da noite a desfilar. “No domingo à tarde, a gente termina lá na avenida; só falta 10%”, disse o presidente Elvis Evandro dos Santos na sexta-feira. Assim como para a Seci, faltou dinheiro para os retoques finais, mas patrocínios de última hora salvaram a escola. Depois do quinto lugar em 2005, a esperança é grande. “Pretende chegar entre os três primeiros”.

Em situação um pouco mais tranqüila, está a Mocidade Fantástica de Vila Alice. A expectativa era de terminar os carros alegóricos na sexta-feira à noite. “Faltam só detalhes mínimos”, afirma Fernando Tomaz, presidente da escola, que vai falar das diversões de crianças no samba-enredo.

A noite de hoje será encerrada pela Ocara, a mais antiga escola de samba da cidade e que conseguiu o título de vice-campeã em 2005. O tesoureiro Sidnei Godoy diz que neste ano nenhum equívoco irá prejudicá-los. “Perdemos para nós mesmos ao esquecer a bolsa e a camisa atrás de um dos carros”, conta Godoy sobre o ano passado.

Antes dos desfile, está programada matinê na avenida, das 12h às 17h, com trio elétrico. O espaço tem arquibancada com entrada grátis para 8 mil pessoas, 58 banheiros químicos e praça de alimentação. Esquema especial de segurança e trânsito foi montado na avenida e nas redondezas. Nove linhas de ônibus operam ininterruptamente por toda a noite, segundo a Prefeitura.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Grupo 1 de Santo André faz desfile de desafios

Verônica Fraidenraich
Do Diário do Grande ABC

26/02/2006 | 07:59


A primeira a-gremiação a pisar na passarela do samba de Santo André neste domingo, às 20h10, será a Beleza Pura. A escola abre neste domingo o desfile do grupo de elite por ter sido campeã do grupo dois em 2005. Mas o posto de primeira da noite não agrada aos integrantes da agremiação. “É complicado, existe o comentário de que jurado segura nota, não vai dar dez de primeira”, observa Vicente Carlos da Silva, presidente da Beleza Pura. Ao mesmo tempo, o fato  injeta um ânimo extra na escola que promete se esforçar para conquistar a simpatia do júri com o samba-enredo Sou brasileiro beleza pura sim senhor.

Já para a escola de samba Seci, campeã do grupo principal do Carnaval de 2005 em Santo André, a preocupação maior era de terminar tudo a tempo. Na sexta-feira, a agremiação do Jardim Rina procurava o apoio de algum comerciante para finalizar os últimos detalhes dos carros alegóricos. O presidente Edvaldo Jatobá de Lima estava apreensivo também com o tempo na cidade. “Os carros estão cobertos porque. se chover, estraga tudo”. A escola não tem quadra e ensaia num terreno emprestado pela Prefeitura, debaixo de uma lona de circo, espaço pequeno para os carros.

A agremiação até tentou vender fantasias como alternativa para conseguir mais verba, mas não conseguiu. “Algumas escolas novatas do interior nos procuraram, mas ofereceram muito pouco”. Lima diz que, mesmo em cima da hora, estaria disposto a vender todo o samba-enredo, fantasias e carros alegóricos. “O regulamento não proíbe a venda, somente a compra”.

No ano passado, a Seci foi alvo de críticas por ter vendido todo o desfile para a Acadêmicos do Taí, de São Bernardo. O regulamento do Carnaval de Santo André não prevê punição para a venda; exige, apenas, que a apresentação seja inédita. A Taí usou as fantasias um dia depois do desfile da Seci, que neste ano será a quinta escola a desfilar.

Para a escola Palmares, segunda a entrar na passarela ho-je, a chegada do desfile representa não só o momento mais esperado de um ano de trabalho, mas um acordo de paz com os vizinhos. É que, como várias outras agremiações, os 450 integrantes não têm onde ensaiar e usam as ruas da Vila Palmares para afinar os passos e a batucada do tema Amor sublime amor. Assim como a Leões do Vale, a Palmares possui uma das maiores torcidas do Carnaval.

A Leões do Vale, do Jardim I-rene, será a terceira da noite a desfilar. “No domingo à tarde, a gente termina lá na avenida; só falta 10%”, disse o presidente Elvis Evandro dos Santos na sexta-feira. Assim como para a Seci, faltou dinheiro para os retoques finais, mas patrocínios de última hora salvaram a escola. Depois do quinto lugar em 2005, a esperança é grande. “Pretende chegar entre os três primeiros”.

Em situação um pouco mais tranqüila, está a Mocidade Fantástica de Vila Alice. A expectativa era de terminar os carros alegóricos na sexta-feira à noite. “Faltam só detalhes mínimos”, afirma Fernando Tomaz, presidente da escola, que vai falar das diversões de crianças no samba-enredo.

A noite de hoje será encerrada pela Ocara, a mais antiga escola de samba da cidade e que conseguiu o título de vice-campeã em 2005. O tesoureiro Sidnei Godoy diz que neste ano nenhum equívoco irá prejudicá-los. “Perdemos para nós mesmos ao esquecer a bolsa e a camisa atrás de um dos carros”, conta Godoy sobre o ano passado.

Antes dos desfile, está programada matinê na avenida, das 12h às 17h, com trio elétrico. O espaço tem arquibancada com entrada grátis para 8 mil pessoas, 58 banheiros químicos e praça de alimentação. Esquema especial de segurança e trânsito foi montado na avenida e nas redondezas. Nove linhas de ônibus operam ininterruptamente por toda a noite, segundo a Prefeitura.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;