Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 15 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Operação policial desocupa terreno


Yara Ferraz
Do Diário do Grande ABC

13/06/2015 | 07:00


A Operação Salubridade Pública, realizada pela PM (Polícia Militar) na tarde de ontem, desocupou terreno na Rua Carijós, em Santo André. O local servia de abrigo para 66 pessoas, todas usuárias de entorpecentes.

Cerca de 60 policiais militares do 41º Batalhão participaram da ação, que teve apoio da GCM (Guarda Civil Municipal) e do departamento de trânsito, além de contar com os serviços do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), que efetuou a limpeza no local. A manutenção no terreno, que pertence à AES Eletropaulo e à CTEEP (Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista), será concluída na segunda-feira.

Conforme o comandante da operação, capitão Luiz Roberto Moraes, a ação teve foco preventivo e foi determinada devido à segurança dos moradores e atenção básica de Saúde aos usuários. “É uma operação ampla para resgatar essas pessoas, que estavam vivendo em condições subumanas. A ação também impede que pequenos furtos sejam realizados no entorno. É trabalho de polícia junto com social, para tirar os dependentes da situação de vulnerabilidade.”

Das 66 pessoas que estavam no terreno, 60 foram encaminhadas para o Caps (Centro de Atenção Psicossocial) Álcool e Drogas, onde vão receber tratamento. Foram retiradas da área quatro caçambas de entulho e dejetos. “Em dias de maior movimentação, havia até 200 pessoas concentradas aqui. Elas se juntaram em espécie de cracolândia e, por isso, foi determinada a ação pelo nosso setor de inteligência”, explicou Moraes.

A polícia também identificou nas imediações pontos de drogas veiculados aos usuários. Cinco pessoas foram presas por tráfico de entorpecentes em três ocorrências de flagrante. Duas foram detidas por porte de substâncias, forneceram esclarecimentos na delegacia e foram liberados.

Entre os ocupantes do terreno havia uma procurada por roubo, que estava foragida. Uma pessoa foi presa por receptação. No total, 150 pessoas foram abordadas.

A polícia também apreendeu um quilo e meio de drogas, entre crack, maconha e cocaína, além de cachimbos para consumo de crack que estavam com os usuários. Também foram encontrados 32 armas brancas e 18 telefones celulares. Um veículo roubado foi recuperado.

RESULTADOS

A operação realizada na quinta-feira por policiais militares do 10º Batalhão, com apoio da Polícia Civil e GCM, na Avenida Prestes Maia abordou total de 89 pessoas. A ação teve início às 18h e foi até as 2h.

No total, 23 pessoas foram autuadas, sendo que duas delas por dirigir sob efeito de álcool. Foram 20 automóveis e dez motos fiscalizadas e um veículo recuperado. Ninguém foi detido. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Operação policial desocupa terreno

Yara Ferraz
Do Diário do Grande ABC

13/06/2015 | 07:00


A Operação Salubridade Pública, realizada pela PM (Polícia Militar) na tarde de ontem, desocupou terreno na Rua Carijós, em Santo André. O local servia de abrigo para 66 pessoas, todas usuárias de entorpecentes.

Cerca de 60 policiais militares do 41º Batalhão participaram da ação, que teve apoio da GCM (Guarda Civil Municipal) e do departamento de trânsito, além de contar com os serviços do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), que efetuou a limpeza no local. A manutenção no terreno, que pertence à AES Eletropaulo e à CTEEP (Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista), será concluída na segunda-feira.

Conforme o comandante da operação, capitão Luiz Roberto Moraes, a ação teve foco preventivo e foi determinada devido à segurança dos moradores e atenção básica de Saúde aos usuários. “É uma operação ampla para resgatar essas pessoas, que estavam vivendo em condições subumanas. A ação também impede que pequenos furtos sejam realizados no entorno. É trabalho de polícia junto com social, para tirar os dependentes da situação de vulnerabilidade.”

Das 66 pessoas que estavam no terreno, 60 foram encaminhadas para o Caps (Centro de Atenção Psicossocial) Álcool e Drogas, onde vão receber tratamento. Foram retiradas da área quatro caçambas de entulho e dejetos. “Em dias de maior movimentação, havia até 200 pessoas concentradas aqui. Elas se juntaram em espécie de cracolândia e, por isso, foi determinada a ação pelo nosso setor de inteligência”, explicou Moraes.

A polícia também identificou nas imediações pontos de drogas veiculados aos usuários. Cinco pessoas foram presas por tráfico de entorpecentes em três ocorrências de flagrante. Duas foram detidas por porte de substâncias, forneceram esclarecimentos na delegacia e foram liberados.

Entre os ocupantes do terreno havia uma procurada por roubo, que estava foragida. Uma pessoa foi presa por receptação. No total, 150 pessoas foram abordadas.

A polícia também apreendeu um quilo e meio de drogas, entre crack, maconha e cocaína, além de cachimbos para consumo de crack que estavam com os usuários. Também foram encontrados 32 armas brancas e 18 telefones celulares. Um veículo roubado foi recuperado.

RESULTADOS

A operação realizada na quinta-feira por policiais militares do 10º Batalhão, com apoio da Polícia Civil e GCM, na Avenida Prestes Maia abordou total de 89 pessoas. A ação teve início às 18h e foi até as 2h.

No total, 23 pessoas foram autuadas, sendo que duas delas por dirigir sob efeito de álcool. Foram 20 automóveis e dez motos fiscalizadas e um veículo recuperado. Ninguém foi detido. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;