Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 4 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Luxa aposta tudo no clássico por vaga na Libertadores



01/10/2009 | 07:00


A vitória contra o Palmeiras, domingo, na Vila Belmiro, é a última esperança do Santos de ainda poder sonhar com uma vaga para a Copa Libertadores, salvando a temporada de 2009. Pelo menos é o que Vanderlei Luxemburgo procura transmitir ao time, após a fraca atuação na derrota diante do Atlético-MG, no domingo, em Belo Horizonte.

Ele sabe que estão vivas na memória dos jogadores as duas vitórias santistas nas semifinais do Paulista contra o Palmeiras, que era apontado como maior favorito ao título estadual, o que ajuda na motivação do grupo.

Mas, ontem, ainda repercutia negativamente a declaração do técnico de que o Santos está onde merece na classificação, além de repetir que ele ter chegado ao clube com o Brasileiro já iniciado faz com que não seja o responsável pelo planejamento da equipe. O capitão e titular mais experiente Emerson tentou justificar o que o técnico disse, mas admitiu que os jogadores ficaram em uma situação desconfortável diante de suas palavras.

"Estamos em um momento delicado, mas acredito que ele (Luxemburgo) se referiu apenas à colocação do time na classificação, que poderia ser tranquila se estivéssemos jogando melhor. Mas Vanderlei tem confiança no grupo", assegurou o volante.

Emerson se recusa a pensar no risco de o Santos despencar na tabela caso não consiga vencer o clássico, passando a correr risco até de rebaixamento para a Série B em 2010. "Isso não pode nem passar pela cabeça dos jogadores. Se tiver algum jogador que pensa dessa forma, é bom que nos avisem porque ele não pode fazer parte do elenco. Temos que pensar para frente", pregou Emerson, dizendo que ninguém estaria cobrando a reação se o Santos não tivesse condições. "E vamos melhorar sim", garantiu.

Jean deverá ser a novidade do Santos no clássico. Se não tivesse sentido o incômodo muscular, teria atuado como meia contra o Atlético, ao lado de Madson, com liberdade para cair para os lados do campo quando o time estivesse atacando. Ontem, Jean participou normalmente do treino técnico, sob chuva, no CT Rei Pelé.

RECOMEÇO - O goleiro Rafael começou nesta quarta o tratamento de fisioterapia no CEPRAF. Ele quebrou a perna direita num choque com Domingos durante um treinamento há 20 dias. Em razão do acidente, Domingos foi dispensado por Luxemburgo e contratado pela Portuguesa.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;