Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 19 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Dualib entrega carta de renúncia no Corinthians


Fernando Cappelli
Do Diário do Grande ABC

26/09/2008 | 07:11


O ex-presidente corintiano Alberto Dualib pediu ontem o desligamento do quadro associativo do clube. O ex-dirigente, que renunciou ao cargo em agosto do ano passado, seria expulso na próxima terça-feira, dia 30, em reunião do Conselho Deliberativo.

Tanto Dualib quanto o seu vice-presidente Nesi Curi, que também apresentou renúncia em 2007, são alvos de investigações do Ministério Público, com acusações de lavagem de dinheiro, formação de quadrilha e emissão de notas frias. Baseado nisso, a ala de oposição solicitou a expulsão de ambos do clube.

Na quinta-feira passada, o ex-dirigente entregou, por meio de um de seus advogados, a defesa. Mas ontem, porém, decidiu pelo desligamento. O pedido de Dualib foi recebido pelo presidente do Conselho Deliberativo, Carlos João Eduardo Senger.

Apesar disso, a reunião dos conselheiros na próxima terça-feira está mantida para oficializar a saída.

"Ele resolveu sair antes, para depois ser recebido de volta, com a confirmação de que jamais denegriu a imagem do clube", informou o advogado de Dualib, José Luiz Toloza.

Após 14 anos na presidência corintiana, Dualib renunciou ao cargo quando surgiram várias denúncias contra ele (estelionato, formação de quadrilha e lavagem de dinheiro). Fora do poder, o dirigente de 89 anos se afastou até mesmo de São Paulo, temendo atos hostis dos torcedores corintianos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Dualib entrega carta de renúncia no Corinthians

Fernando Cappelli
Do Diário do Grande ABC

26/09/2008 | 07:11


O ex-presidente corintiano Alberto Dualib pediu ontem o desligamento do quadro associativo do clube. O ex-dirigente, que renunciou ao cargo em agosto do ano passado, seria expulso na próxima terça-feira, dia 30, em reunião do Conselho Deliberativo.

Tanto Dualib quanto o seu vice-presidente Nesi Curi, que também apresentou renúncia em 2007, são alvos de investigações do Ministério Público, com acusações de lavagem de dinheiro, formação de quadrilha e emissão de notas frias. Baseado nisso, a ala de oposição solicitou a expulsão de ambos do clube.

Na quinta-feira passada, o ex-dirigente entregou, por meio de um de seus advogados, a defesa. Mas ontem, porém, decidiu pelo desligamento. O pedido de Dualib foi recebido pelo presidente do Conselho Deliberativo, Carlos João Eduardo Senger.

Apesar disso, a reunião dos conselheiros na próxima terça-feira está mantida para oficializar a saída.

"Ele resolveu sair antes, para depois ser recebido de volta, com a confirmação de que jamais denegriu a imagem do clube", informou o advogado de Dualib, José Luiz Toloza.

Após 14 anos na presidência corintiana, Dualib renunciou ao cargo quando surgiram várias denúncias contra ele (estelionato, formação de quadrilha e lavagem de dinheiro). Fora do poder, o dirigente de 89 anos se afastou até mesmo de São Paulo, temendo atos hostis dos torcedores corintianos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;