Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 10 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Casal de viciados é flagrado furtando lápides de bronze

Usuários de droga foram pegos pela vigilância com materiais arrancados em cemitério


Rafael Ribeiro
Do Diário do Grande ABC

05/11/2013 | 07:00


Vigilantes do Cemitério Municipal da Vila Curuçá, em Santo André, detiveram na madrugada de ontem um casal de usuários de crack que, nas últimas semanas, praticava furtos contra objetos de bronze no local. Os materiais seriam vendidos para a compra de drogas.

Os funcionários faziam a ronda noturna quando flagraram Caroline Novembrini Dias, 24 anos, e Bruno Rodrigues de Almeida, da mesma idade, carregando três lápides.

A GCM (Guarda Civil Municipal) da cidade foi acionada e, durante a revista da dupla, flagrou-a com cachimbos para consumo da droga e diversos adornos que já tinham sido arrancados dos túmulos.

Chamados para comparecer ao 2º DP (Utinga), onde o caso foi registrado, familiares das pessoas enterradas nas covas violadas reconheceram os objetos que haviam sido levados.

Não é a primeira vez que esse tipo de crime é registrado. Em 24 de outubro, a GCM deteve o desempregado Orlando Lage de Castro, 29, após ele ser flagrado cometendo o mesmo tipo de crime no Cemitério da Saudade, na Vila Assunção.

O caso foi registrado no 1º DP (Centro) e a Prefeitura prometeu que reforçaria a segurança nos cemitérios municipais como forma de coibir os furtos. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Casal de viciados é flagrado furtando lápides de bronze

Usuários de droga foram pegos pela vigilância com materiais arrancados em cemitério

Rafael Ribeiro
Do Diário do Grande ABC

05/11/2013 | 07:00


Vigilantes do Cemitério Municipal da Vila Curuçá, em Santo André, detiveram na madrugada de ontem um casal de usuários de crack que, nas últimas semanas, praticava furtos contra objetos de bronze no local. Os materiais seriam vendidos para a compra de drogas.

Os funcionários faziam a ronda noturna quando flagraram Caroline Novembrini Dias, 24 anos, e Bruno Rodrigues de Almeida, da mesma idade, carregando três lápides.

A GCM (Guarda Civil Municipal) da cidade foi acionada e, durante a revista da dupla, flagrou-a com cachimbos para consumo da droga e diversos adornos que já tinham sido arrancados dos túmulos.

Chamados para comparecer ao 2º DP (Utinga), onde o caso foi registrado, familiares das pessoas enterradas nas covas violadas reconheceram os objetos que haviam sido levados.

Não é a primeira vez que esse tipo de crime é registrado. Em 24 de outubro, a GCM deteve o desempregado Orlando Lage de Castro, 29, após ele ser flagrado cometendo o mesmo tipo de crime no Cemitério da Saudade, na Vila Assunção.

O caso foi registrado no 1º DP (Centro) e a Prefeitura prometeu que reforçaria a segurança nos cemitérios municipais como forma de coibir os furtos. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;