Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 5 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Igreja paga para menina de 12 anos nao abortar


Do Diário do Grande ABC

10/10/1999 | 15:02


Um controvertido projeto feito pela Igreja Católica da Escócia está comovendo católicos e a sociedade em geral no qual se determina uma ajuda financeira, por parte da Igreja, a uma menina de 12 anos para que possa dar a luz um filho.

O fato só foi divulgado neste domingo pelo pai da menina que atualmente vive na Inglaterra e que sabendo da notícia, logo pediu ajuda.

O projeto, de ajuda a maes que nao possuem renda para ter um filho foi implantado pelo Cardeal Thomas Winning há três anos e desde entao vem ajudado muitas famílias.

Os pais das menina e também do namorado que a engravidou, estao desempregados e que portanto, nao possuem renda mínima para ter um filho.

Desde de que foi implantado, o projeto já ajudou 200 bebês em apenas 3 anos de existência.

Um porta-voz da Igreja Monsehor Tom Connely declarou no doimingo, que "...É muito triste ver crianças tendo filhos dessa idade mas seria pior ainda que elas nao o tivessem."

" O major está pretendendo apenas que essa garota nao sofra de forma alguma, lhe fornecendo dinheiro para que possa ter o seu filho independente da idade, cor e nacionalidade" declara o porta-voz.

O Mosenhor Connelly declarou que a identidade da criança nao será revelada e que será oferecidad ajuda financeira e psicologica para que ela possa dar a luz o filho.

A coordenadora do projeto Roseann Reddy, declarou que lhe poderá fornecer ajuda de como cuidar do bebê.

" Muitos pais nao tem dinheiro para cuidar da criança. Mais o pior ainda é mante-la ao redor dos anos, comparando fraldas e roupas." declara Roseann.

Organizaçoes pró-aborto estao condenando a Igreja Católica pela decisao de ter lhe oferecido a " ajuda".

Jane Roe um dos presidentes da fundaçao pró-aborto declara que " Crianças muitas novas e sem experiência alguma estao dando luz a filhos dos quais nao possuem estrutura alguma para sustentar e é inacreditável que a Igreja nao tenha olhos para a realidade dessa menina." lamentou Jane Roe.

" É claro que uma criança de 12 anos pode ter um filho. Crianças dessa idade sao determinadas a várias outras coisas. Porém elas precisam pensar que uma atitude dessa, é para o resto de suas vidas." declara o presidente da organizaçao.

As informaçoes sao da Reuters



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;