Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Diretor da CPTM se exime e culpa chuva por enchente


Do Diário do Grande ABC

29/02/2000 | 13:13


O diretor de Engenharia de Obras da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), Ademir Venâncio de Araújo, disse, em entrevista à Rádio CBN, que a empresa, nao é responsável pelo transbordamento do Córrego Curva do S, na Zona Sul de Sao Paulo, ocorrido nesta segunda-feira. Araújo afirmou que a CPTM, que está realizando obras na regiao em conjunto com o Metrô, realizou um plano de previsao de cheias, mas nao tinha como prever que pudesse ocorrer uma tempestade como a desta segunda-feira. "Nao tínhamos como saber que a maior chuva dos últimos 50 anos pudesse cair neste período", disse. "A culpa nao é da CPTM, a culpa é da chuva".

Moradores da regiao do Córrego Curva do S afirmam que um bloco de concreto deixado nas obras teria prejudicado o fluxo das águas, causando a enchente.

Perguntado se a CPTM indenizaria os moradores prejudicados pela cheia, Araújo disse que se for comprovado que existe responsabilidade da CPTM no caso, a empresa deve arcar com as despesas das famílias atingidas.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Diretor da CPTM se exime e culpa chuva por enchente

Do Diário do Grande ABC

29/02/2000 | 13:13


O diretor de Engenharia de Obras da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), Ademir Venâncio de Araújo, disse, em entrevista à Rádio CBN, que a empresa, nao é responsável pelo transbordamento do Córrego Curva do S, na Zona Sul de Sao Paulo, ocorrido nesta segunda-feira. Araújo afirmou que a CPTM, que está realizando obras na regiao em conjunto com o Metrô, realizou um plano de previsao de cheias, mas nao tinha como prever que pudesse ocorrer uma tempestade como a desta segunda-feira. "Nao tínhamos como saber que a maior chuva dos últimos 50 anos pudesse cair neste período", disse. "A culpa nao é da CPTM, a culpa é da chuva".

Moradores da regiao do Córrego Curva do S afirmam que um bloco de concreto deixado nas obras teria prejudicado o fluxo das águas, causando a enchente.

Perguntado se a CPTM indenizaria os moradores prejudicados pela cheia, Araújo disse que se for comprovado que existe responsabilidade da CPTM no caso, a empresa deve arcar com as despesas das famílias atingidas.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;