Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 16 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Daniel Ortega lidera na lenta apuração de votos na Nicarágua


Da AFP

06/11/2006 | 08:06


O ex-guerrilheiro sandinista Daniel Ortega liderava na madrugada desta segunda-feira a lenta apuração de votos da eleição presidencial nicaragüense - 7,22% dos votos apurados -, segundo informações do presidente do CSE (Conselho Superior Eleitoral), Roberto Rivas.

O líder da Frente Sandinista registrava 40,85%, contra 32,68% de seu principal rival, o candidato da ALN (Aliança Liberal Nicaragüense), o ex-banqueiro e milionário Eduardo Montealegre.

Mais atrás aparece José Rizo, do PLC (Partido Liberal Constitucionalista), com 21,37%, o candidato do MRS (Movimento Renovador Sandinista) Edmundo Jarquín, com 4,87%, e, por último, Edén Pastora, da Alternativa para a Mudança, com 0,23%.

Para vencer as eleições em primeiro turno o candidato deve obter mais de 35% dos votos e uma diferença de pelo menos 5 pontos sobre seu rival mais votado.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Daniel Ortega lidera na lenta apuração de votos na Nicarágua

Da AFP

06/11/2006 | 08:06


O ex-guerrilheiro sandinista Daniel Ortega liderava na madrugada desta segunda-feira a lenta apuração de votos da eleição presidencial nicaragüense - 7,22% dos votos apurados -, segundo informações do presidente do CSE (Conselho Superior Eleitoral), Roberto Rivas.

O líder da Frente Sandinista registrava 40,85%, contra 32,68% de seu principal rival, o candidato da ALN (Aliança Liberal Nicaragüense), o ex-banqueiro e milionário Eduardo Montealegre.

Mais atrás aparece José Rizo, do PLC (Partido Liberal Constitucionalista), com 21,37%, o candidato do MRS (Movimento Renovador Sandinista) Edmundo Jarquín, com 4,87%, e, por último, Edén Pastora, da Alternativa para a Mudança, com 0,23%.

Para vencer as eleições em primeiro turno o candidato deve obter mais de 35% dos votos e uma diferença de pelo menos 5 pontos sobre seu rival mais votado.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;