Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 5 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Banespa empata série semifinal, e Brasil Telecom vence Pinheiros


Kati Dias
Do Diário do Grande ABC

13/11/2005 | 08:38


Um jogo dramático. Assim pode ser definida a vitória do Banespa/ Mastercard/ São Bernardo por 3 sets a 2 (25/23, 22/25, 26/28, 25/22 e 23/21) diante do Pinheiros/ Telemig Celular, pela semifinal do Campeonato Paulista de Vôlei Masculino, sábado à tarde, no ginásio Poliesportivo, em São Bernardo. Na preliminar do Estadual Feminino, o Brasil Telecom/ São Bernardo superou o Pinheiros/ Blue Life também por 3 sets a 2 (25/23, 26/24, 23/25, 23/25 e 15/10) no início da semifinal.

Com a vitória, o time de São Bernardo empatou a série melhor-de-três e renovou a esperança de lutar pelo bicampeonato paulista. De quebra, ampliou a invencibilidade de sete partidas no Poli. O tabu pode auxiliar novamente o Banespa, já que o terceiro jogo será terça-feira, às 20h, em São Bernardo. Neste duelo, o Banespa pôde matar saudades da torcida. Os 300 torcedores que acompanharam a batalha não deixaram de incentivar o time. “Mesmo em menor número, a torcida de São Bernardo é vibrante. Por isso, tenho certeza de que estarão aqui novamente para nos incentivar”, disse o técnico Mauro Grasso.

Além da animação dos torcedores, o confronto com o Pinheiros (Minas Tênis Clube) fez com que Grasso lembrasse da difícil vitória no último jogo da decisão da Superliga Masculina. “Tivemos de provar que temos nervos de aço. Como naquela partida, o duelo foi extremamente equilibrado. Mas, o Pinheiros vai querer vencer o próximo jogo a qualquer preço”, disse Mauro Grasso.

Feminino – No Estadual Feminino, o Brasil Telecom saiu na frente. Diferentemente do Banespa, o time comandado pelo técnico William Carvalho poderá garantir vaga na final do torneio se vencer o Pinheiros na segunda partida, que será quarta-feira, no ginásio do rival. Entre as mulheres, quem leva a vantagem é o time da Capital, que terminou a fase de classificação na vice-liderança (atrás do Finasa/ Osasco).

Para o técnico William Carvalho, a vitória foi muito importante para o grupo. “A responsabilidade foi toda para o Pinheiros. A pressão está com elas, que terão de vencer duas partidas para chegar a decisão”, concluiu o treinador, que não contou com a atacante Fernanda Berti, que está Japão e defenderá o Brasil na Copa dos Campeões que começa nesta semana.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Banespa empata série semifinal, e Brasil Telecom vence Pinheiros

Kati Dias
Do Diário do Grande ABC

13/11/2005 | 08:38


Um jogo dramático. Assim pode ser definida a vitória do Banespa/ Mastercard/ São Bernardo por 3 sets a 2 (25/23, 22/25, 26/28, 25/22 e 23/21) diante do Pinheiros/ Telemig Celular, pela semifinal do Campeonato Paulista de Vôlei Masculino, sábado à tarde, no ginásio Poliesportivo, em São Bernardo. Na preliminar do Estadual Feminino, o Brasil Telecom/ São Bernardo superou o Pinheiros/ Blue Life também por 3 sets a 2 (25/23, 26/24, 23/25, 23/25 e 15/10) no início da semifinal.

Com a vitória, o time de São Bernardo empatou a série melhor-de-três e renovou a esperança de lutar pelo bicampeonato paulista. De quebra, ampliou a invencibilidade de sete partidas no Poli. O tabu pode auxiliar novamente o Banespa, já que o terceiro jogo será terça-feira, às 20h, em São Bernardo. Neste duelo, o Banespa pôde matar saudades da torcida. Os 300 torcedores que acompanharam a batalha não deixaram de incentivar o time. “Mesmo em menor número, a torcida de São Bernardo é vibrante. Por isso, tenho certeza de que estarão aqui novamente para nos incentivar”, disse o técnico Mauro Grasso.

Além da animação dos torcedores, o confronto com o Pinheiros (Minas Tênis Clube) fez com que Grasso lembrasse da difícil vitória no último jogo da decisão da Superliga Masculina. “Tivemos de provar que temos nervos de aço. Como naquela partida, o duelo foi extremamente equilibrado. Mas, o Pinheiros vai querer vencer o próximo jogo a qualquer preço”, disse Mauro Grasso.

Feminino – No Estadual Feminino, o Brasil Telecom saiu na frente. Diferentemente do Banespa, o time comandado pelo técnico William Carvalho poderá garantir vaga na final do torneio se vencer o Pinheiros na segunda partida, que será quarta-feira, no ginásio do rival. Entre as mulheres, quem leva a vantagem é o time da Capital, que terminou a fase de classificação na vice-liderança (atrás do Finasa/ Osasco).

Para o técnico William Carvalho, a vitória foi muito importante para o grupo. “A responsabilidade foi toda para o Pinheiros. A pressão está com elas, que terão de vencer duas partidas para chegar a decisão”, concluiu o treinador, que não contou com a atacante Fernanda Berti, que está Japão e defenderá o Brasil na Copa dos Campeões que começa nesta semana.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;