Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Maníaco da moto preta é suspeito
de estuprar sete mulheres na região

Último caso ocorreu terça-feira, no Jardim Independência,
em São Bernardo; a vítima foi atacada na garagem de casa


Fábio Munhoz
Do Diário do Grande ABC

10/11/2011 | 07:00


A Polícia Civil procura informações sobre o paradeiro do criminoso conhecido como ‘maníaco da moto preta', estuprador que já fez pelo menos sete vítimas no Grande ABC. O último caso foi registrado na noite de terça-feira no Jardim Independência, em São Bernardo. Uma mulher foi atacada na garagem de casa após estacionar o carro, por volta das 21h.

A vítima, de 20 anos, declarou que o maníaco encostou no portão a bordo de uma motocicleta modelo Yamaha Fazer, na cor preta. A mulher informou que o estuprador estava armado. Durante o ato sexual, o criminoso não tirou o capacete, com o objetivo de dificultar a identificação. Segundo a moradora, o indivíduo tem aproximadamente 1,70 m e foi classificado como "pardo e forte". Após o crime, o homem fugiu sem roubar nada.

O delegado Kasuyoshi Kawamoto, titular do 3º Distrito Policial do município, avalia que o autor do estupro contra a jovem é o mesmo que cometeu outros crimes na região. "O modo de atuação é muito semelhante aos outros casos. Geralmente ele ataca no mesmo local onde é feita a abordagem e nunca tira o capacete." 
Até a tarde de ontem, a vítima não havia registrado queixa na delegacia. "Só podemos instaurar o inquérito com o consentimento da pessoa que sofreu a agressão", explica Kawamoto.

O ‘maníaco da moto preta' já estuprou outras duas mulheres em São Caetano, duas em Diadema e mais duas em São Bernardo. Em Diadema, foi feito retrato falado com a suposta aparência do delinquente. A imagem foi anexada ao inquérito instaurado pelo 8º DP de São Bernardo, no bairro Cooperativa. "É muito difícil identificarmos com precisão, pois o indivíduo sempre age com o capacete. No entanto, as vítimas viram a imagem e acharam parecido", acrescenta o delegado Nelson Nassif.

O titular da seccional de São Bernardo, Rafael Rabinovici, afirma que as unidades da Polícia Civil atuam em conjunto para tentar localizar o tarado. "Todas as delegacias estão mantendo contato. Já tenho algumas informações, mas, por enquanto, nenhum indício direto", salienta.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Maníaco da moto preta é suspeito
de estuprar sete mulheres na região

Último caso ocorreu terça-feira, no Jardim Independência,
em São Bernardo; a vítima foi atacada na garagem de casa

Fábio Munhoz
Do Diário do Grande ABC

10/11/2011 | 07:00


A Polícia Civil procura informações sobre o paradeiro do criminoso conhecido como ‘maníaco da moto preta', estuprador que já fez pelo menos sete vítimas no Grande ABC. O último caso foi registrado na noite de terça-feira no Jardim Independência, em São Bernardo. Uma mulher foi atacada na garagem de casa após estacionar o carro, por volta das 21h.

A vítima, de 20 anos, declarou que o maníaco encostou no portão a bordo de uma motocicleta modelo Yamaha Fazer, na cor preta. A mulher informou que o estuprador estava armado. Durante o ato sexual, o criminoso não tirou o capacete, com o objetivo de dificultar a identificação. Segundo a moradora, o indivíduo tem aproximadamente 1,70 m e foi classificado como "pardo e forte". Após o crime, o homem fugiu sem roubar nada.

O delegado Kasuyoshi Kawamoto, titular do 3º Distrito Policial do município, avalia que o autor do estupro contra a jovem é o mesmo que cometeu outros crimes na região. "O modo de atuação é muito semelhante aos outros casos. Geralmente ele ataca no mesmo local onde é feita a abordagem e nunca tira o capacete." 
Até a tarde de ontem, a vítima não havia registrado queixa na delegacia. "Só podemos instaurar o inquérito com o consentimento da pessoa que sofreu a agressão", explica Kawamoto.

O ‘maníaco da moto preta' já estuprou outras duas mulheres em São Caetano, duas em Diadema e mais duas em São Bernardo. Em Diadema, foi feito retrato falado com a suposta aparência do delinquente. A imagem foi anexada ao inquérito instaurado pelo 8º DP de São Bernardo, no bairro Cooperativa. "É muito difícil identificarmos com precisão, pois o indivíduo sempre age com o capacete. No entanto, as vítimas viram a imagem e acharam parecido", acrescenta o delegado Nelson Nassif.

O titular da seccional de São Bernardo, Rafael Rabinovici, afirma que as unidades da Polícia Civil atuam em conjunto para tentar localizar o tarado. "Todas as delegacias estão mantendo contato. Já tenho algumas informações, mas, por enquanto, nenhum indício direto", salienta.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;