Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 12 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Termina rebelião em presídio de Hortolândia


Do Diário OnLine

04/10/2006 | 13:44


Terminou na manhã desta quarta-feira a rebelião na Penitenciária 3 de Hortolândia, interior de São Paulo. Os quatro reféns que ainda estavam em poder dos detentos foram liberados.

Os cerca de dez presos que iniciaram o motim foram isolados em uma cela, e com eles foram apreendidos uma pistola 635 e um revólver 32. A SAP (Secretaria de Administração Penitenciária) abrirá uma sindicância para apurar como as armas entraram no presídio.

A rebelião começou após uma tentativa frustrada de fuga, na madrugada desta quarta-feira. Inicialmente, seis agentes eram mantidos reféns, mas dois foram libertados.

Durante o motim, um detento levou um tiro na perna e foi encaminhado a um hospital próximo. O presídio tem capacidade para 750 detentos, mas abriga 1.403.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Termina rebelião em presídio de Hortolândia

Do Diário OnLine

04/10/2006 | 13:44


Terminou na manhã desta quarta-feira a rebelião na Penitenciária 3 de Hortolândia, interior de São Paulo. Os quatro reféns que ainda estavam em poder dos detentos foram liberados.

Os cerca de dez presos que iniciaram o motim foram isolados em uma cela, e com eles foram apreendidos uma pistola 635 e um revólver 32. A SAP (Secretaria de Administração Penitenciária) abrirá uma sindicância para apurar como as armas entraram no presídio.

A rebelião começou após uma tentativa frustrada de fuga, na madrugada desta quarta-feira. Inicialmente, seis agentes eram mantidos reféns, mas dois foram libertados.

Durante o motim, um detento levou um tiro na perna e foi encaminhado a um hospital próximo. O presídio tem capacidade para 750 detentos, mas abriga 1.403.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;