Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 29 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Desafio propõe protagonismo aos jovens

Claudinei Plaza/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Promovido pelo Diário, o 13º Desafio de Redação envolve alunos das redes pública e particular; provas começam no dia 9 de setembro


Yasmim Assagra
Do Diário do Grande ABC

27/08/2019 | 07:00


Os representantes das diretorias de ensino do Grande ABC conheceram regulamento e calendário da 13ª edição do Desafio de Redação, que será realizado entre os dias 9 de setembro e 11 de outubro em escolas das redes pública e particular das sete cidades. Realizado pelo Diário e USCS (Universidade Municipal de São Caetano), o concurso literário terá como tema A Região Que Eu Quero Em 2030, revelado na tarde de ontem na sede do jornal, em Santo André, em encontro com representantes das diretorias de ensino e parceiros do projeto.

Em 12 anos, cerca de 1,3 milhão de redações foram produzidas por estudantes e professores. Para esta edição, são esperados 90 mil trabalhos para a avaliação, que terá os critérios de correção semelhantes aos aplicados no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), como criatividade, coerência com o tema e ortografia gramatical.

“O tema escolhido é um estímulo ao jovem em ser protagonista em sua região e como ele pode ajudar nesse processo. Além disso, pensar no amanhã da cidade, da região e do mundo”, comenta Ricardo Almeida, professor de comunicação e empreendedorismo da USCS e um dos organizadores do Desafio.

Para o diretor de Redação do Diário, Evaldo Novelini, a iniciativa já acumula histórico positivo e de sucesso junto aos alunos da região. “São 12 anos discutindo grandes temas com os jovens do Grande ABC. E quando pensamos que a palavra escrita está morrendo, esse evento nos faz acreditar que não, e isso é muito gratificante.”

A proposta do tema também tem como objetivo disseminar a Agenda 2030 da ONU (Organização das Nações Unidas) entre alunos e professores. O pacto global prevê, até 2030, 17 metas de desenvolvimento sustentável para todos os países.

De acordo com o professor e organizador do concurso literário Joaquim Freire, a proposta, além de trabalhar a percepção dos alunos, busca levar o tema para fora das salas de aula. “São 13 anos de trabalho, e a cada ano é um tema de relevância do nosso cotidiano, em um formato totalmente educativo, em que sai da sala de aula e chega até as famílias”, avalia. 

O prêmio para a melhor produção literária entre estudantes do 3º ano do ensino médio e do 1º ao 3° ano da EJA (Educação de Jovens e Adultos) é uma bolsa de estudos integral em curso superior de livre escolha na USCS. Além disso, serão distribuídos notebooks, TVs e bicicletas para os autores das melhores redações. 

O Desafio de Redação tem patrocínio do Cemitério Parque Vale dos Pinheirais e apoio institucional do Saesa (Sistema de Água, Esgoto e Saneamento Ambiental de São Caetano).

Ideias nascidas no concurso servirão de subsídio a carta aberta ao Consórcio

As principais propostas e ideias para melhorar a qualidade de vida na região que surgirem no concurso de redação promovido pelo Diário e pela USCS (Universidade Municipal de São Caetano) vão ser formatadas em documento a ser encaminhado ao Consórcio Intermunicipal do Grande ABC. Trata-se de novidade em relação aos anos anteriores.

“Quem sabe os nossos alunos não encontram soluções criativas e originais para problemas que há muito incomodam as sete cidades”, diz o diretor de Redação do jornal, Evaldo Novelini. As propostas mais relevantes serão compiladas e relacionadas em documento. “Encaminharemos ao Consórcio, para que o colegiado de prefeitos possa utilizar as ideias no debate público”, completa o professor da USCS Joaquim Celso Freire.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Desafio propõe protagonismo aos jovens

Promovido pelo Diário, o 13º Desafio de Redação envolve alunos das redes pública e particular; provas começam no dia 9 de setembro

Yasmim Assagra
Do Diário do Grande ABC

27/08/2019 | 07:00


Os representantes das diretorias de ensino do Grande ABC conheceram regulamento e calendário da 13ª edição do Desafio de Redação, que será realizado entre os dias 9 de setembro e 11 de outubro em escolas das redes pública e particular das sete cidades. Realizado pelo Diário e USCS (Universidade Municipal de São Caetano), o concurso literário terá como tema A Região Que Eu Quero Em 2030, revelado na tarde de ontem na sede do jornal, em Santo André, em encontro com representantes das diretorias de ensino e parceiros do projeto.

Em 12 anos, cerca de 1,3 milhão de redações foram produzidas por estudantes e professores. Para esta edição, são esperados 90 mil trabalhos para a avaliação, que terá os critérios de correção semelhantes aos aplicados no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), como criatividade, coerência com o tema e ortografia gramatical.

“O tema escolhido é um estímulo ao jovem em ser protagonista em sua região e como ele pode ajudar nesse processo. Além disso, pensar no amanhã da cidade, da região e do mundo”, comenta Ricardo Almeida, professor de comunicação e empreendedorismo da USCS e um dos organizadores do Desafio.

Para o diretor de Redação do Diário, Evaldo Novelini, a iniciativa já acumula histórico positivo e de sucesso junto aos alunos da região. “São 12 anos discutindo grandes temas com os jovens do Grande ABC. E quando pensamos que a palavra escrita está morrendo, esse evento nos faz acreditar que não, e isso é muito gratificante.”

A proposta do tema também tem como objetivo disseminar a Agenda 2030 da ONU (Organização das Nações Unidas) entre alunos e professores. O pacto global prevê, até 2030, 17 metas de desenvolvimento sustentável para todos os países.

De acordo com o professor e organizador do concurso literário Joaquim Freire, a proposta, além de trabalhar a percepção dos alunos, busca levar o tema para fora das salas de aula. “São 13 anos de trabalho, e a cada ano é um tema de relevância do nosso cotidiano, em um formato totalmente educativo, em que sai da sala de aula e chega até as famílias”, avalia. 

O prêmio para a melhor produção literária entre estudantes do 3º ano do ensino médio e do 1º ao 3° ano da EJA (Educação de Jovens e Adultos) é uma bolsa de estudos integral em curso superior de livre escolha na USCS. Além disso, serão distribuídos notebooks, TVs e bicicletas para os autores das melhores redações. 

O Desafio de Redação tem patrocínio do Cemitério Parque Vale dos Pinheirais e apoio institucional do Saesa (Sistema de Água, Esgoto e Saneamento Ambiental de São Caetano).

Ideias nascidas no concurso servirão de subsídio a carta aberta ao Consórcio

As principais propostas e ideias para melhorar a qualidade de vida na região que surgirem no concurso de redação promovido pelo Diário e pela USCS (Universidade Municipal de São Caetano) vão ser formatadas em documento a ser encaminhado ao Consórcio Intermunicipal do Grande ABC. Trata-se de novidade em relação aos anos anteriores.

“Quem sabe os nossos alunos não encontram soluções criativas e originais para problemas que há muito incomodam as sete cidades”, diz o diretor de Redação do jornal, Evaldo Novelini. As propostas mais relevantes serão compiladas e relacionadas em documento. “Encaminharemos ao Consórcio, para que o colegiado de prefeitos possa utilizar as ideias no debate público”, completa o professor da USCS Joaquim Celso Freire.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;