Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 12 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Inundações deixam dois mortos e onze desaparecidos no Japão

NOZOMU ENDO/ASSOCIATED PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Rio transbordou, arrastou consigo veículos e
destruiu dezenas de imóveis, estradas e pontes



06/07/2017 | 04:28


Equipes de bombeiros do Japão trabalham nesta quinta-feira para resgatar famílias ilhadas pelas inundações que causaram a morte de duas pessoas no sul do país. Ainda há quatro pessoas feridas e onze desaparecidas.

As chuvas danificaram casas, estradas e plantações de arroz, segundo autoridades da província Fukuoka, na ilha de Kyushu, a terceira maior do país. Havia alertas de precipitações intensas em grande parte de Kyushu depois da passagem do tufão Nanmadol há dois dias.

A rede de televisão nacional NHK informou que um homem morreu na província de Oita, sem mais detalhes do incidente. Outro homem, de 93 anos, teria morrido após ser arrastado pelas águas, disse a polícia. O cadáver dele foi encontrado na quarta-feira em Asakita, na província de Hiroshima, que fica na ilha de Honshu, a maior do país.

Imagens transmitidas pela televisão mostravam arrozais e casas inundadas após um rio transbordar, arrastando consigo veículos e destruindo dezenas de imóveis, estradas e pontes. A Agência Meteorológica do Japão disse que Fukuoka e Oita registraram chuvas sem precedentes. Fonte: Associated Press.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Inundações deixam dois mortos e onze desaparecidos no Japão

Rio transbordou, arrastou consigo veículos e
destruiu dezenas de imóveis, estradas e pontes


06/07/2017 | 04:28


Equipes de bombeiros do Japão trabalham nesta quinta-feira para resgatar famílias ilhadas pelas inundações que causaram a morte de duas pessoas no sul do país. Ainda há quatro pessoas feridas e onze desaparecidas.

As chuvas danificaram casas, estradas e plantações de arroz, segundo autoridades da província Fukuoka, na ilha de Kyushu, a terceira maior do país. Havia alertas de precipitações intensas em grande parte de Kyushu depois da passagem do tufão Nanmadol há dois dias.

A rede de televisão nacional NHK informou que um homem morreu na província de Oita, sem mais detalhes do incidente. Outro homem, de 93 anos, teria morrido após ser arrastado pelas águas, disse a polícia. O cadáver dele foi encontrado na quarta-feira em Asakita, na província de Hiroshima, que fica na ilha de Honshu, a maior do país.

Imagens transmitidas pela televisão mostravam arrozais e casas inundadas após um rio transbordar, arrastando consigo veículos e destruindo dezenas de imóveis, estradas e pontes. A Agência Meteorológica do Japão disse que Fukuoka e Oita registraram chuvas sem precedentes. Fonte: Associated Press.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;