Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 16 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Diadema no caminho do bem


Do Diário do Grande ABC

08/11/2016 | 10:05


Artigo

Diadema deu grande passo, quatro anos atrás, quando acabou com governo que gastava mais do que podia e não gastava nas coisas que interessavam à população. Uma prefeitura é um prestador de serviços públicos. As pessoas estão interessadas que os serviços funcionem. Que o prefeito seja bom gestor. Que saiba cuidar delas. Diadema foi a primeira Prefeitura do PT no Brasil. Eles ficaram 26 anos no poder e fui eleito, em 2012, para fazer a mudança que Diadema tanto queria. Peguei a Prefeitura quebrada, com R$ 2,5 bilhões em dívidas. Equipamentos públicos sucateados, tudo sem condições de uso.

Cuidamos dos que mais precisavam: levamos água, esgoto, asfalto e iluminação para o Sítio Joaninha, onde as pessoas viviam sem dignidade, em pleno século 21. Ainda fizemos mais de 180 ações e obras pela cidade. Fizemos muito com pouco dinheiro. Milagre? Não, isso é gestão moderna, responsável. É dar valor para o dinheiro público. A minha reeleição é o desejo de que a nossa cidade continue no caminho do bem, avançando, sendo transformada dia a dia. Quero, novamente, agradecer aos 114 mil eleitores que acreditam em nossos projetos e aprovam o nosso jeito de governar.

Já começamos a construir a Diadema que sonhamos. Cidade com esperança, com qualidade de vida, com respeito pelas pessoas, com oportunidades para todos. Município que nos encha de orgulho.  Durante a campanha, caminhei, incansavelmente, pelas ruas de nossa cidade, não apenas para falar sobre tudo que já fizemos ou iremos fazer, mas principalmente para ouvir a população. Não teve um dia que voltei para a casa sem uma história emocionante que me enchia de energia e vontade de fazer muito mais por todos.

Enfrentamos campanha cheia de ataques. Mas nada me tirou o brilho dos olhos. O mesmo brilho que tenho desde os 19 anos, quando me lancei candidato a vereador. A voz do povo é unânime, todos querem atendimento de Saúde decente. Que seus filhos tenham boa escola, Educação de qualidade que crie futuro melhor para eles. Segurança para suas famílias, ruas iluminadas, a Guarda Municipal trabalhando em conjunto com a polícias Militar e Civil, câmeras monitorando a cidade, a continuidade da Lei Seca, o fim dos pancadões e espaços de lazer para todos.

Vou olhar para cada problema como sendo meu. Do pequeno ao grande. Reconheço o reflexo negativo que eles causam na vida das pessoas. Sei que posso fazer muito mais, agora que pegamos o caminho do bem.  Não é possível governar sem aliados e as pessoas que vivem no município são os mais importantes para mim. Essa ligação com a população é que me dá energia. Foi assim no meu primeiro governo, e vai ser assim no segundo.

Lauro Michels é prefeito eleito de Diadema pelo PV.

Palavra do leitor

Clinton X Trump


O etnocentrismo, fator presente na formação dos povos desde o início da civilização, nos Estados Unidos leva necessariamente a ufanismo exacerbado, traduzido nas posições políticas defendidas por Donald Trump, e que encontram eco na parcela mais conservadora dos norte-americanos. Há que se observar nas propostas de Trump similaridade às atitudes de Adolf Hitler quando assumiu o poder na Alemanha, em janeiro de 1933, como chanceler, ainda na crise econômica gerada pela grande depressão. Ventos macabros trazem à baila em todos os continentes o odor de mofo do conservadorismo retrógrado em decorrência da falta de competência dos governantes atuais em avançar no sentido de consolidar a paz e o progresso entre os povos. Há de haver choque conceitual, para que retorne a ser a melhor forma de governo e Hillary Clinton, com toda certeza, não têm capacidade para tanto. O representante do caos chega perto de assumir o poder da maior democracia do mundo e, se não for desta vez, será na próxima.
Aimardi Perez de Oliveira
São Bernardo


Wenceslau Brás

Prezado secretário de Transportes e Vias Públicas de São Bernardo, Oscar Gameiro. Há transtornos depois que os engenheiros da Pasta sob sua responsabilidade mudaram de forma totalmente equivocada a sinalização de solo da Rua Wenceslau Brás, deixando uma pista para descer e duas para subir. O correto seria sentido único para subir, até porque a Rua Brasílio Machado é mão única para descer. Seus auxiliares informaram que até junho fariam as modificações necessárias, mas nada foi feito! Entrei em contato e informaram-me que o atraso ocorria porque o contrato com Consladel havia vencido (aliás, lamentável). Sei que o contrato já foi refeito, mas trabalho a ser realizado nessa via não está merecendo a atenção que deveria ter, até porque existe escola cujo abuso ocorre diariamente pelos papais e mamães – além dos micro-ônibus, que ocasionam filas intermináveis.
Marcelo Sarti
São Bernardo

Restauração


Em Guararema, Interior de São Paulo, dia 5, reuniram-se na escola de militantes (?!) Florestan Fernandes representantes de partidos de esquerda e de sindicalistas em ato de solidariedade ao Movimento dos Sem-Terra, que contou com a participação do inominável ex-presidente – de boné e tudo – propondo amplo movimento nacional para ‘restaurar a democracia’. Como assim? Qual a ‘democracia’ a que esse indivíduo refere-se: a da propinocracia? Que decadência! De palestrante mais bem pago do planeta a açulador de arruaçeiros!
Aparecida Dileide Gaziolla
São Caetano


Resposta

O Semasa lamenta que o leitor Luiz Rocco (Semasa, dia 5) reproduza informações inverídicas sobre a PPP (Parceria Público-Privada) da nova ETA (Estação de Tratamento de Água). O fato é que não existe a entrega da autarquia à Odebrecht. O Semasa é gestor público dos serviços de abastecimento de água em Santo André e não será privatizado. Desde 2013, como este Diário vem divulgando, está em curso a licitação de PPP para abastecimento de água e coleta de esgoto na porção Sul de Santo André após a construção da ETA. Tal porção corresponde a 20% da cidade, onde vivem cerca de 140 mil habitantes, é a mais carente do município e será beneficiada com a melhoria do serviço. A PPP ainda vai combater perdas de água em Santo André, gerando mais recursos ao Semasa, e fazer a leitura e distribuição das contas de saneamento, o que hoje é terceirizado.
Semasa
 
Desmedido

A megalomania de Cid Gomes fez com que o Ceará adquirisse quatro máquinas tatuzões para executar o Metrô de Fortaleza. Três anos depois só 1% da obra pode ser apresentado. Está parada. Ninguém imagina quando e se um dia será concluída. Abram os olhos, eleitores, o irmão Ciro vai pedir seu voto em 2018 para presidente da República.
Marco Antonio Esteves Balbi
Rio de Janeiro

Mais abusos

As recentes denúncias de uso inadequado de verbas públicas para cobertura de despesas com passagens por parte de integrantes dos poderes Executivos e Legislativos exigem explicações. Como é definido o valor que, pelo visto, consta em orçamentos dos setores dos quais eles fazem parte? E quem autoriza e controla o uso? De qualquer forma, merece ser citada a denúncia, mas que os valores sejam devolvidos e quem fez uso indevido que receba a devida punição. E que se estabeleçam maneiras de controle, pois esses abusos são antigos.
Uriel Villas Boas
Santos (SP) 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Diadema no caminho do bem

Do Diário do Grande ABC

08/11/2016 | 10:05


Artigo

Diadema deu grande passo, quatro anos atrás, quando acabou com governo que gastava mais do que podia e não gastava nas coisas que interessavam à população. Uma prefeitura é um prestador de serviços públicos. As pessoas estão interessadas que os serviços funcionem. Que o prefeito seja bom gestor. Que saiba cuidar delas. Diadema foi a primeira Prefeitura do PT no Brasil. Eles ficaram 26 anos no poder e fui eleito, em 2012, para fazer a mudança que Diadema tanto queria. Peguei a Prefeitura quebrada, com R$ 2,5 bilhões em dívidas. Equipamentos públicos sucateados, tudo sem condições de uso.

Cuidamos dos que mais precisavam: levamos água, esgoto, asfalto e iluminação para o Sítio Joaninha, onde as pessoas viviam sem dignidade, em pleno século 21. Ainda fizemos mais de 180 ações e obras pela cidade. Fizemos muito com pouco dinheiro. Milagre? Não, isso é gestão moderna, responsável. É dar valor para o dinheiro público. A minha reeleição é o desejo de que a nossa cidade continue no caminho do bem, avançando, sendo transformada dia a dia. Quero, novamente, agradecer aos 114 mil eleitores que acreditam em nossos projetos e aprovam o nosso jeito de governar.

Já começamos a construir a Diadema que sonhamos. Cidade com esperança, com qualidade de vida, com respeito pelas pessoas, com oportunidades para todos. Município que nos encha de orgulho.  Durante a campanha, caminhei, incansavelmente, pelas ruas de nossa cidade, não apenas para falar sobre tudo que já fizemos ou iremos fazer, mas principalmente para ouvir a população. Não teve um dia que voltei para a casa sem uma história emocionante que me enchia de energia e vontade de fazer muito mais por todos.

Enfrentamos campanha cheia de ataques. Mas nada me tirou o brilho dos olhos. O mesmo brilho que tenho desde os 19 anos, quando me lancei candidato a vereador. A voz do povo é unânime, todos querem atendimento de Saúde decente. Que seus filhos tenham boa escola, Educação de qualidade que crie futuro melhor para eles. Segurança para suas famílias, ruas iluminadas, a Guarda Municipal trabalhando em conjunto com a polícias Militar e Civil, câmeras monitorando a cidade, a continuidade da Lei Seca, o fim dos pancadões e espaços de lazer para todos.

Vou olhar para cada problema como sendo meu. Do pequeno ao grande. Reconheço o reflexo negativo que eles causam na vida das pessoas. Sei que posso fazer muito mais, agora que pegamos o caminho do bem.  Não é possível governar sem aliados e as pessoas que vivem no município são os mais importantes para mim. Essa ligação com a população é que me dá energia. Foi assim no meu primeiro governo, e vai ser assim no segundo.

Lauro Michels é prefeito eleito de Diadema pelo PV.

Palavra do leitor

Clinton X Trump


O etnocentrismo, fator presente na formação dos povos desde o início da civilização, nos Estados Unidos leva necessariamente a ufanismo exacerbado, traduzido nas posições políticas defendidas por Donald Trump, e que encontram eco na parcela mais conservadora dos norte-americanos. Há que se observar nas propostas de Trump similaridade às atitudes de Adolf Hitler quando assumiu o poder na Alemanha, em janeiro de 1933, como chanceler, ainda na crise econômica gerada pela grande depressão. Ventos macabros trazem à baila em todos os continentes o odor de mofo do conservadorismo retrógrado em decorrência da falta de competência dos governantes atuais em avançar no sentido de consolidar a paz e o progresso entre os povos. Há de haver choque conceitual, para que retorne a ser a melhor forma de governo e Hillary Clinton, com toda certeza, não têm capacidade para tanto. O representante do caos chega perto de assumir o poder da maior democracia do mundo e, se não for desta vez, será na próxima.
Aimardi Perez de Oliveira
São Bernardo


Wenceslau Brás

Prezado secretário de Transportes e Vias Públicas de São Bernardo, Oscar Gameiro. Há transtornos depois que os engenheiros da Pasta sob sua responsabilidade mudaram de forma totalmente equivocada a sinalização de solo da Rua Wenceslau Brás, deixando uma pista para descer e duas para subir. O correto seria sentido único para subir, até porque a Rua Brasílio Machado é mão única para descer. Seus auxiliares informaram que até junho fariam as modificações necessárias, mas nada foi feito! Entrei em contato e informaram-me que o atraso ocorria porque o contrato com Consladel havia vencido (aliás, lamentável). Sei que o contrato já foi refeito, mas trabalho a ser realizado nessa via não está merecendo a atenção que deveria ter, até porque existe escola cujo abuso ocorre diariamente pelos papais e mamães – além dos micro-ônibus, que ocasionam filas intermináveis.
Marcelo Sarti
São Bernardo

Restauração


Em Guararema, Interior de São Paulo, dia 5, reuniram-se na escola de militantes (?!) Florestan Fernandes representantes de partidos de esquerda e de sindicalistas em ato de solidariedade ao Movimento dos Sem-Terra, que contou com a participação do inominável ex-presidente – de boné e tudo – propondo amplo movimento nacional para ‘restaurar a democracia’. Como assim? Qual a ‘democracia’ a que esse indivíduo refere-se: a da propinocracia? Que decadência! De palestrante mais bem pago do planeta a açulador de arruaçeiros!
Aparecida Dileide Gaziolla
São Caetano


Resposta

O Semasa lamenta que o leitor Luiz Rocco (Semasa, dia 5) reproduza informações inverídicas sobre a PPP (Parceria Público-Privada) da nova ETA (Estação de Tratamento de Água). O fato é que não existe a entrega da autarquia à Odebrecht. O Semasa é gestor público dos serviços de abastecimento de água em Santo André e não será privatizado. Desde 2013, como este Diário vem divulgando, está em curso a licitação de PPP para abastecimento de água e coleta de esgoto na porção Sul de Santo André após a construção da ETA. Tal porção corresponde a 20% da cidade, onde vivem cerca de 140 mil habitantes, é a mais carente do município e será beneficiada com a melhoria do serviço. A PPP ainda vai combater perdas de água em Santo André, gerando mais recursos ao Semasa, e fazer a leitura e distribuição das contas de saneamento, o que hoje é terceirizado.
Semasa
 
Desmedido

A megalomania de Cid Gomes fez com que o Ceará adquirisse quatro máquinas tatuzões para executar o Metrô de Fortaleza. Três anos depois só 1% da obra pode ser apresentado. Está parada. Ninguém imagina quando e se um dia será concluída. Abram os olhos, eleitores, o irmão Ciro vai pedir seu voto em 2018 para presidente da República.
Marco Antonio Esteves Balbi
Rio de Janeiro

Mais abusos

As recentes denúncias de uso inadequado de verbas públicas para cobertura de despesas com passagens por parte de integrantes dos poderes Executivos e Legislativos exigem explicações. Como é definido o valor que, pelo visto, consta em orçamentos dos setores dos quais eles fazem parte? E quem autoriza e controla o uso? De qualquer forma, merece ser citada a denúncia, mas que os valores sejam devolvidos e quem fez uso indevido que receba a devida punição. E que se estabeleçam maneiras de controle, pois esses abusos são antigos.
Uriel Villas Boas
Santos (SP) 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;