Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 26 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Marcas que a Industrial não destruiu

Em meio à possibilidade de tudo se tornar ‘terceirizado’, o relato emocionado...


Ademir Medici

20/04/2015 | 07:00


“Em meio à possibilidade de tudo se tornar ‘terceirizado’, o relato emocionado do economista Mituo Teramae nos emociona também.” (Memória, 15-4-2015: ‘Pauta obrigatória: ouvir esses executivos’).

Geraldo Nunes, jornalista

“As monções eram expedições fluviais paulistas que partiam de Porto Feliz, às margens do Rio Tietê, com destino às áreas de mineração em Mato Grosso, com a finalidade de abastecê-las.”

Do blog Fazendo História

Caminhos

históricos

de uma Santo André

transformada

Logo no seu início, ao ser aberta, a Avenida Industrial preservou a legendária Rua Catequese e abriu outras ruas que homenageiam os primeiros tempos paulistas, caso da Rua das Monções. São marcas históricas que resistem ao progresso avassalador.

Pois a Rua Catequese é antiga. Tem a idade da Rua Carijós, ou da Estrada do Oratório, e/ou Caminho do Pilar. Daí o seu traçado em curvas, visível ainda hoje, mesmo com as retificações sofridas ao longo dos tempos.

No caso específico da Catequese, trata-se da primeira via de comunicação com carros de boi de Santo André com São Paulo, apontando para São Caetano, via Rua Boa Vista, antes que o trem – num primeiro momento – seguisse pelo vale do Tamanduateí, seguido pelas vias planejadas representadas pela própria Industrial e Avenida Dom Pedro II, esta igualmente pavimentada, a princípio, por paralelepípedos, das pedreiras exploradas na linha Mauá a Ribeirão Pires.

Santos do dia

- Na estampa, São Teodoro, cujo nome significa ‘Dom de Deus’. Francês. Viveu entre os séculos 6 e 7. Falecimento: 20-4-613.

- Antonino

- Marcelino de Embrun

- Sulpício

Diário há 30 anos

Sábado, 20 de abril de 1985 – ano 27, nº 5804

Manchete – Resistência de Tancredo surpreende até os médicos

Rio Grande da Serra – Não publicadas, leis estão nulas. Eram 380 as leis promulgadas no novo município, entre elas os códigos de Obras e Tributários, mas faltava a publicação na imprensa.

Movimento Sindical – Em sete dias úteis, os metalúrgicos conseguiram firmar 60 acordos em separado somente no Grande ABC.

Música – Renato Teixeira hoje e amanhã no Teatro Cacilda Becker com o show Rapaz caipira.

Polícia – Descoberto contrabando de corpos humanos no aeroporto de Cumbica, em Guarulhos.

Em 20 de abril de...

1915 – Arcebispado de São Paulo despacha autorização de procissão com imagens para a Paróquia de Ribeirão Pires.

A guerra. Do noticiário do Estadão: ‘As perdas austríacas desde o início da ofensiva: 70 mil prisioneiros”.

1930 – Eleita a nova diretoria da Sociedade Recreativa Flor da Serra, de Paranapiacaba: presidente, Ricardo Gonzales; vice-presidente, Agostinho Hurtado Cano; tesoureiros, Julio Mendes de Oliveira e Augusto Pedro Ramalho; secretários, João Abbamonte, Laurentino Caetano e Alberto Ferreira; bibliotecário, Manuel R. Perfeito.

1960 – Fundada a Sociedade Amigos de Vila Metalúrgica, distrito de Utinga, em Santo André.

1965 – Fundada a Sociedade Amigos de Vila Alvinópolis, em São Bernardo.

1970 – Descerrada placa com o nome de Cacilda Becker no teatro que leva o seu nome, junto ao Paço de São Bernardo.

1980 – Suspenso show de música popular marcado para este dia no (interditado) estádio de Vila Euclides, em São Bernardo. Artistas como Chico Buarque viriam cantar, sem cachê, em colaboração com o Fundo de Greve dos Metalúrgicos.

Hoje

- Dia do Diplomata

- Dia do Disco

Municípios Paulistas

- Aniversariam hoje: Águas de Santa Bárbara, Caraguatatuba, Cunha e Paranapanema. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Marcas que a Industrial não destruiu

Em meio à possibilidade de tudo se tornar ‘terceirizado’, o relato emocionado...

Ademir Medici

20/04/2015 | 07:00


“Em meio à possibilidade de tudo se tornar ‘terceirizado’, o relato emocionado do economista Mituo Teramae nos emociona também.” (Memória, 15-4-2015: ‘Pauta obrigatória: ouvir esses executivos’).

Geraldo Nunes, jornalista

“As monções eram expedições fluviais paulistas que partiam de Porto Feliz, às margens do Rio Tietê, com destino às áreas de mineração em Mato Grosso, com a finalidade de abastecê-las.”

Do blog Fazendo História

Caminhos

históricos

de uma Santo André

transformada

Logo no seu início, ao ser aberta, a Avenida Industrial preservou a legendária Rua Catequese e abriu outras ruas que homenageiam os primeiros tempos paulistas, caso da Rua das Monções. São marcas históricas que resistem ao progresso avassalador.

Pois a Rua Catequese é antiga. Tem a idade da Rua Carijós, ou da Estrada do Oratório, e/ou Caminho do Pilar. Daí o seu traçado em curvas, visível ainda hoje, mesmo com as retificações sofridas ao longo dos tempos.

No caso específico da Catequese, trata-se da primeira via de comunicação com carros de boi de Santo André com São Paulo, apontando para São Caetano, via Rua Boa Vista, antes que o trem – num primeiro momento – seguisse pelo vale do Tamanduateí, seguido pelas vias planejadas representadas pela própria Industrial e Avenida Dom Pedro II, esta igualmente pavimentada, a princípio, por paralelepípedos, das pedreiras exploradas na linha Mauá a Ribeirão Pires.

Santos do dia

- Na estampa, São Teodoro, cujo nome significa ‘Dom de Deus’. Francês. Viveu entre os séculos 6 e 7. Falecimento: 20-4-613.

- Antonino

- Marcelino de Embrun

- Sulpício

Diário há 30 anos

Sábado, 20 de abril de 1985 – ano 27, nº 5804

Manchete – Resistência de Tancredo surpreende até os médicos

Rio Grande da Serra – Não publicadas, leis estão nulas. Eram 380 as leis promulgadas no novo município, entre elas os códigos de Obras e Tributários, mas faltava a publicação na imprensa.

Movimento Sindical – Em sete dias úteis, os metalúrgicos conseguiram firmar 60 acordos em separado somente no Grande ABC.

Música – Renato Teixeira hoje e amanhã no Teatro Cacilda Becker com o show Rapaz caipira.

Polícia – Descoberto contrabando de corpos humanos no aeroporto de Cumbica, em Guarulhos.

Em 20 de abril de...

1915 – Arcebispado de São Paulo despacha autorização de procissão com imagens para a Paróquia de Ribeirão Pires.

A guerra. Do noticiário do Estadão: ‘As perdas austríacas desde o início da ofensiva: 70 mil prisioneiros”.

1930 – Eleita a nova diretoria da Sociedade Recreativa Flor da Serra, de Paranapiacaba: presidente, Ricardo Gonzales; vice-presidente, Agostinho Hurtado Cano; tesoureiros, Julio Mendes de Oliveira e Augusto Pedro Ramalho; secretários, João Abbamonte, Laurentino Caetano e Alberto Ferreira; bibliotecário, Manuel R. Perfeito.

1960 – Fundada a Sociedade Amigos de Vila Metalúrgica, distrito de Utinga, em Santo André.

1965 – Fundada a Sociedade Amigos de Vila Alvinópolis, em São Bernardo.

1970 – Descerrada placa com o nome de Cacilda Becker no teatro que leva o seu nome, junto ao Paço de São Bernardo.

1980 – Suspenso show de música popular marcado para este dia no (interditado) estádio de Vila Euclides, em São Bernardo. Artistas como Chico Buarque viriam cantar, sem cachê, em colaboração com o Fundo de Greve dos Metalúrgicos.

Hoje

- Dia do Diplomata

- Dia do Disco

Municípios Paulistas

- Aniversariam hoje: Águas de Santa Bárbara, Caraguatatuba, Cunha e Paranapanema. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;