Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 18 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Mae fotografa filha nua e pode ser presa nos EUA


Do Diário do Grande ABC

29/02/2000 | 10:26


A polícia da cidade de Oberlin, nos Estados Unidos, acusa uma mulher de "usar ilegalmente um menor em material que envolve nudez", simplesmente porque ela tirou fotos de sua filha de 8 anos tomando banho. Ela pode ser condenada a até 16 anos de prisao se for considerada culpada no julgamento de maio.

A denúncia foi feita por um laboratório fotográfico, quando Cynthia Stewart deixou dez filmes para revelar em julho de 1999. Quando Cynthia foi buscar o material, levou apenas nove filmes revelados.

A polícia apreendeu o décimo rolo, com 14 fotos de sua filha em uma banheira.

"Ao longo de toda vida dela, sempre tirei fotos nos momentos em que estava em diversos estágios de nudez, para recordar o crescimento de seu corpo e momentos de diversao e brincadeira", disse a mae em um depoimento formal.

"Desde os três anos, depois do banho, ela se enxágua com o chuveirinho enquanto a banheira se esvazia. Essa brincadeira se tornou uma parte de seu ritual de banho, e nao mudou até hoje."

Cynthia está suspensa de seu emprego de motorista de ônibus escolar. Em Oberlin, uma cidade liberal de mais de 8 mil habitantes que abriga algumas faculdades, no subúrbio a oeste de Cleveland, Stewart conquistou apoio generalizado dos funcionários das faculdades, de fazendeiros e caminhoneiros. Um comitê de defesa judicial levantou US$ 35 mil em seu benefício, organizou vigílias e bombardeou os promotores com petiçoes para que encerrem o processo.

"Nao se trata de problemas quanto a tirar fotos de seus filhos nus", diz o promotor público Gregory White. "Tenho filhos. Tenho fotos deles quando bebês. Mas há um ponto em que essas fotos se tornam impróprias e ilegais."



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mae fotografa filha nua e pode ser presa nos EUA

Do Diário do Grande ABC

29/02/2000 | 10:26


A polícia da cidade de Oberlin, nos Estados Unidos, acusa uma mulher de "usar ilegalmente um menor em material que envolve nudez", simplesmente porque ela tirou fotos de sua filha de 8 anos tomando banho. Ela pode ser condenada a até 16 anos de prisao se for considerada culpada no julgamento de maio.

A denúncia foi feita por um laboratório fotográfico, quando Cynthia Stewart deixou dez filmes para revelar em julho de 1999. Quando Cynthia foi buscar o material, levou apenas nove filmes revelados.

A polícia apreendeu o décimo rolo, com 14 fotos de sua filha em uma banheira.

"Ao longo de toda vida dela, sempre tirei fotos nos momentos em que estava em diversos estágios de nudez, para recordar o crescimento de seu corpo e momentos de diversao e brincadeira", disse a mae em um depoimento formal.

"Desde os três anos, depois do banho, ela se enxágua com o chuveirinho enquanto a banheira se esvazia. Essa brincadeira se tornou uma parte de seu ritual de banho, e nao mudou até hoje."

Cynthia está suspensa de seu emprego de motorista de ônibus escolar. Em Oberlin, uma cidade liberal de mais de 8 mil habitantes que abriga algumas faculdades, no subúrbio a oeste de Cleveland, Stewart conquistou apoio generalizado dos funcionários das faculdades, de fazendeiros e caminhoneiros. Um comitê de defesa judicial levantou US$ 35 mil em seu benefício, organizou vigílias e bombardeou os promotores com petiçoes para que encerrem o processo.

"Nao se trata de problemas quanto a tirar fotos de seus filhos nus", diz o promotor público Gregory White. "Tenho filhos. Tenho fotos deles quando bebês. Mas há um ponto em que essas fotos se tornam impróprias e ilegais."

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;