Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 3 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Orlando Morando assina convênio de emendas parlamentares para quatro instituições de São Bernardo

Anderson Silva/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Entidades voltadas ao trabalho com jovens vão receber R$ 260 mil


Caio dos Reis
Especial para o Diário

14/07/2015 | 07:00


Por meio de emendas parlamentares, o deputado estadual Orlando Morando (PSDB) garantiu R$ 260 mil para quatro instituições de São Bernardo. A assinatura do convênio foi feita em evento de comemoração dos 25 anos do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente) ontem, no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo estadual.

“Todas as entidades são de atendimento direto ou complementar a criança ou adolescente. São todas instituições que conheço, convivo e sei da atuação que elas têm. Então é bastante emblemática e motivo de alegria a assinatura desses convênios nesse dia de comemoração dos 25 anos do ECA”, disse Morando.

As quatro entidades beneficiadas com as emendas foram o Centro Comunitário das Crianças de Nossa Senhora de Guadalupe do Jardim Laura, com R$ 45 mil, a Instituição Assistencial Irmão Palminha, com R$ 45 mil, a IAM (Instituição Assistencial Meimei), com R$ 70 mil, e o Camp SBC Centro de Formação e Integração Social, com R$ 100 mil.

“No meu último mandato de deputado estadual atendemos 42 entidades filantrópicos, não apenas para crianças, mas também para idosos e deficientes. Outras entidades de São Bernardo já estão encaminhadas para receber emendas (parlamentares). Como estamos passando um ano de Orçamento difícil, o governador autorizou essa e outras já estão na esteira com a documentação aprovada e acredito que em dois ou três meses estaremos finalizando esse procedimento e ajudando, só em São Bernardo, outras oito instituições”, relatou Orlando Morando.

O deputado ainda disse que defende nova moldura para o ECA. “O estatuto garantiu direitos essenciais, mas defendo que ele precisa ser modernizado. A realidade de 25 anos atrás é bem diferente da de hoje. Cumpriu um papel importante, mas é necessário o Congresso ter uma pauta de prioridade e é coisa que eu não vejo, só é discutida diminuição da maioridade penal”, opinou.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;