Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 28 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Humildade é o segredo da liderança


Dérek Bittencourt
Com Agências

08/06/2010 | 07:00


Com início de Campeonato Brasileiro quase perfeito, com cinco vitórias e dois empates, o líder Corinthians dá a receita do sucesso: ser humilde. Pelo menos foi o discurso do zagueiro e capitão William. E é baseado nisso que o Timão vai para as férias, já pensando também no retorno, contra o surpreendente Ceará, vice-líder da competição.

"Não menosprezamos nenhuma equipe e sabíamos que seria preciso 100% de dedicação para enfrentar o Botafogo. E mesmo com esses 100% de dedicação sofremos os gols. Essa é a lição que fica: em uma competição difícil como essa a gente não pode ter nenhum momento de desatenção. Felizmente conseguimos o empate no fim", disse William.

Aliás, o zagueiro elogiou o fato de os cearenses terem sofrido apenas um gol em sete jogos. "Temos de enaltecer o trabalho do Ceará, mas estamos cientes de que a competição não vai se definir nesse jogo", concluiu.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Humildade é o segredo da liderança

Dérek Bittencourt
Com Agências

08/06/2010 | 07:00


Com início de Campeonato Brasileiro quase perfeito, com cinco vitórias e dois empates, o líder Corinthians dá a receita do sucesso: ser humilde. Pelo menos foi o discurso do zagueiro e capitão William. E é baseado nisso que o Timão vai para as férias, já pensando também no retorno, contra o surpreendente Ceará, vice-líder da competição.

"Não menosprezamos nenhuma equipe e sabíamos que seria preciso 100% de dedicação para enfrentar o Botafogo. E mesmo com esses 100% de dedicação sofremos os gols. Essa é a lição que fica: em uma competição difícil como essa a gente não pode ter nenhum momento de desatenção. Felizmente conseguimos o empate no fim", disse William.

Aliás, o zagueiro elogiou o fato de os cearenses terem sofrido apenas um gol em sete jogos. "Temos de enaltecer o trabalho do Ceará, mas estamos cientes de que a competição não vai se definir nesse jogo", concluiu.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;