Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 27 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

USP nao divulga nomes de suspeitos de matar calouro


Do Diário do Grande ABC

23/04/1999 | 09:43


O diretor da Faculdade de Medicina da Universidade de Sao Paulo (USP), Irineu Velasco, divulgou na manha desta sexta-feira o resultado parcial da sindicância interna sobre a morte do calouro Edson Tsung Chi Hsueh, 22 anos, durante um churrasco organizado pelos alunos, dia 23 de fevereiro.

De acordo com o laudo, nao há nomes que podem ser divulgados como os culpados de um possível homicídio. A polícia está trabalhando com até sete estudantes suspeitos de matar o calouro, porém os nomes ainda nao podem ser revelados porque "tudo nao passa de apuraçao", declarou Velascos.

Nesta quinta-feira, a promotora Eliana Passarelli, do 3º Tribunal do Júri, que acompanha a investigaçao do caso, se reuniu com Irineu Velasco para trocar informaçoes. "Continuamos checando a lista de participantes do churrasco atendidos, após a festa, pelo Hospital das Clínicas", disse Eliana. Segundo a promotora, nesta quinta nao foram ouvidas mais testemunhas.

O diretor da USP disse ainda que foi assinado um decreto, que proíbe, a partir de agora, qualquer tipo de trote na Universidade.

Manifesto - Vinte alunos da faculdade de Medicina da USP enviaram nesta quinta-feira à imprensa um abaixo-assinado em que manifestam descontentamento em relaçao à forma como a investigaçao está sendo conduzida. "É incompreensível que a promotora dê publicidade a conclusoes nao respaldadas pelo laudo", afirma o texto. "Mesmo que erros tenham sido cometidos, aqui nao há bruxas a serem queimadas, apenas seres humanos inocentes, até que se prove o contrário."

De acordo com o advogado José Roberto Batochio, defensor dos alunos, eles estao sendo "vítimas da execraçao pública". "Alunos do último ano estao com dificuldade para conseguir residência médica." A promotora preferiu nao comentar o abaixo-assinado.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;