Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 22 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Segurados do INSS são vítimas de golpes


Do Diário do Grande ABC

31/07/2007 | 07:08


Os aposentados e pensionistas freqüentemente são vítimas de golpes. Uma prática muito comum é o estelionatário se passar por funcionário do INSS e prometer serviços, como agilização do andamento de processos, aumento de valores de benefícios, liberação de pagamentos atrasados, de revisões e pecúlios, entre outros. Para isso, pedem que o aposentado pague uma taxa e assine alguns formulários. Para evitar esses golpes, a Previdência Social alerta que seus serviços são gratuitos.

Os aposentados e pensionistas devem sempre desconfiar desse tipo de abordagem e não entregar nenhum documento, dinheiro, cheque, cartão bancário ou senha a pessoas que se passam por funcionários do INSS. Caso essa situação ocorra, o beneficiário deve comunicar, imediatamente, o fato à polícia.

Cuidados devem ser redobrados em dia de pagamento – além de estarem sujeitos a ações de estelionatários, os aposentados e pensionistas também correm o risco de serem roubados ou furtados no dia em que recebem o benefício do INSS. Para evitar que isso ocorra, a Previdência dá algumas dicas aos beneficiários:

1) Não é necessário chegar ao banco antes da abertura da agência e aguardar do lado de fora na fila, pois podem ficar marcados pelos golpistas e serem atacados ao sair da agência. O pagamento das aposentadorias é feito durante todo o horário de funcionamento dos bancos. Além disso, os valores dos benefícios ficam disponíveis no banco por dois meses.

2) O aposentado deve alternar os horários de recebimento do benefício de um mês para outro, para não criar hábitos que possam ficar conhecidos por golpistas.

3) Ao sacar o dinheiro, o beneficiário não deve parar para conversar com desconhecidos. O golpista pode tentar envolvê-lo com uma conversa.

4) O aposentado deve, sempre que possível, ir acompanhado por um amigo ou familiar para sacar o dinheiro da aposentadoria.

5) É possível optar pelo recebimento em conta-corrente. Dessa forma, o beneficiário não precisará fazer o saque no dia exato do pagamento e também poderá pagar contas com cheque ou cartão magnético.

6) Sempre que precisar de uma informação ou ajuda na agência bancária, o aposentado ou pensionista deve procurar um funcionário do banco que esteja devidamente uniformizado e de posse de seu crachá de identificação.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;