Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 27 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

EUA prevêem atentados contra redes de fast-food no exterior


Da AFP

16/07/2003 | 11:38


Os atentados contra lojas de redes de fast-food americanas no exterior devem aumentar no segundo semestre de 2003, segundo informe do Departamento de Estado dos Estados Unidos divulgado nesta quarta-feira.

Entre janeiro e junho, as empresas americanas tiveram pelo menos 139 problemas de segurança, incluindo ameaças e ataques no exterior, dos quais 30% aconteceram em lojas de fast-food, segundo informe do Conselho Assessor de Segurança no exterior (Osac, sigla em inglês).

"O padrão dos incidentes denunciados pelas redes de fast-food provavelmente será mantido no futuro, já que continuam sendo alvos fáceis para objetivos duros", afirma o documento. O Osac também acredita que a razão pela qual as redes de fast-food são o principal alvo de tantas ameaças é o fato de serem fáceis de identificar e simbolizam o estilo de vida americano.

Segundo os autores do documento, os três tipos de problemas com segurança mais comuns na primeira metade de 2003 foram as ameaças gerais ou incidentes contra alvos americanos, que representaram 25% do total, seguidas pelas bombas ou ameaças de bomba em 17% dos casos e dos ataques físicos e verbais em 13%.

Outros incidentes incluíram incêndios intencionais, seqüestros, roubos, protestos, vigilância, assassinato, perseguição e vandalismo. Aproximadamente 52 dos incidentes aconteceram entre março e abril durante a guerra contra o Iraque, liderada pelos Estados Unidos, que suscitou protestos em todo o planeta.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;