Fechar
Publicidade

Sábado, 22 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Estudante seqüestrado no Rio é encontrado morto


Do Diário do Grande ABC

19/09/1999 | 17:07


O estudante Rodrigo Acri, 19 anos, que havia sido seqüestrado em junho, foi encontrado morto na noite deste sábado por policiais da Divisao Anti-Seqüestro (DAS), num terreno próximo à Praia de Mauá, em Magé (Regiao das Baixadas Litorâneas), no Rio de Janeiro. O local foi indicado por um dos seqüestradores, o ex-Policial Militar Vinícius Esteves de Magalhaes, 33 anos, que, segundo os policiais da DAS, teria assumido a autoria do assassinato do estudante. O pai de Rodrigo o empresário Rodolfo Acri, havia pago o resgate.

Rodrigo foi seqüestrado na Vila da Penha, na zona norte, no dia 9 de junho. Rodolfo Acri pagou o resgate de R$ 56 mil em 7 de julho e, desde entao, nao vinha recebendo notícias do filho. Rodolfo ofereceu R$ 20 mil de recompensa por informaçoes sobre o paradeiro de Rodrigo.

Magalhaes foi encontrado pela DAS, em Sao Paulo. Segundo a mae de Rodrigo, Tânia Acri, informaçoes enviadas pelo Disque-Denúncia permitiram a descoberta do endereço do pai do seqüestrador, que mora em Visconde de Mauá, na regiao Serrana. Magalhaes resolveu, entao, fugir para Sao Paulo, mas, a partir do relato do pai dado à polícia, ele foi localizado. Neste sábado, o empresário acompanhou os agentes do DAS e o seqüestrador até a casa que serviu de cativeiro para o filho, em Magé.

Magalhaes teria dito à polícia que matou Rodrigo com um tiro na cabeça, um dia após o pagamento do resgate. Os restos mortais do estudante estavam enterrados num terreno da casa.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;