Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 26 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

A estreia de Mano

O Brasil venceu os Estados Unidos e mais do que isso, convenceu!


Especial para o Diário

13/08/2010 | 00:00


O Brasil venceu os Estados Unidos e mais do que isso, convenceu! Claro que não se viu uma tática mais apurada e nem esquema especial de jogo.

A sensibilidade do treinador ao convocar vários garotos, dentro da proposta de renovação total do time, fez com que a individualidade prevalecesse. E positivamente!

Não é possível fazer um comentário mais enfático. Nem a favor, muito menos contra. A dedução que se tem é que temos matéria-prima de qualidade. E se bem conduzida, a Seleção terá nova cara em 2014, com talentos.

O resultado é sempre importante. Ninguém gosta de perder. Mas nesse caso o relevante foi comprovar que a geração que fracassou na Alemanha e na África do Sul está sendo bem substituída.

Agora, o que se espera é que a CBF tenha menos ganância em programar jogos fora do País, afastando a Seleção da sua torcida e marque alguns amistosos em nosso território.

VERGONHA
Ninguém fala nada e muito menos protesta. Mas o que a TV Globo fez na terça-feira com a população brasileira merecia repúdio nacional.

Onde estão os políticos e representantes do Ministério Público? Pagar pelos direitos do amistoso de Nova Jersey e não transmitir o jogo em TV aberta merece protestos intensos.

Como se sabe a seleção de futebol é patrimônio cultural do povo. E ele fica privado de ver a sua grande paixão. Imagino que seria para vender pay-per-view ou promover o canal fechado SporTV.

Vergonha!

SINCERIDADE
Gerrard foi curto e grosso na declaração que deu antes do jogo contra a Hungria, o primeiro da seleção inglesa depois da Copa da África do Sul.

Decepcionado consigo mesmo e com o seu time, o meio-campista afirmou que se fosse torcedor teria ido ontem a Wembley para vaiar os jogadores que foram muito mal na última Copa.

A afirmação retrata o que muita gente pensa de um grupo que foi para a África como um dos favoritos à conquista do título e acabou fora nas oitavas de final diante da Alemanha.

Márcio Bernardes é âncora da rede Transamérica de Rádio e professor universitário. www.marciobernardes.com.br



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

A estreia de Mano

O Brasil venceu os Estados Unidos e mais do que isso, convenceu!

Especial para o Diário

13/08/2010 | 00:00


O Brasil venceu os Estados Unidos e mais do que isso, convenceu! Claro que não se viu uma tática mais apurada e nem esquema especial de jogo.

A sensibilidade do treinador ao convocar vários garotos, dentro da proposta de renovação total do time, fez com que a individualidade prevalecesse. E positivamente!

Não é possível fazer um comentário mais enfático. Nem a favor, muito menos contra. A dedução que se tem é que temos matéria-prima de qualidade. E se bem conduzida, a Seleção terá nova cara em 2014, com talentos.

O resultado é sempre importante. Ninguém gosta de perder. Mas nesse caso o relevante foi comprovar que a geração que fracassou na Alemanha e na África do Sul está sendo bem substituída.

Agora, o que se espera é que a CBF tenha menos ganância em programar jogos fora do País, afastando a Seleção da sua torcida e marque alguns amistosos em nosso território.

VERGONHA
Ninguém fala nada e muito menos protesta. Mas o que a TV Globo fez na terça-feira com a população brasileira merecia repúdio nacional.

Onde estão os políticos e representantes do Ministério Público? Pagar pelos direitos do amistoso de Nova Jersey e não transmitir o jogo em TV aberta merece protestos intensos.

Como se sabe a seleção de futebol é patrimônio cultural do povo. E ele fica privado de ver a sua grande paixão. Imagino que seria para vender pay-per-view ou promover o canal fechado SporTV.

Vergonha!

SINCERIDADE
Gerrard foi curto e grosso na declaração que deu antes do jogo contra a Hungria, o primeiro da seleção inglesa depois da Copa da África do Sul.

Decepcionado consigo mesmo e com o seu time, o meio-campista afirmou que se fosse torcedor teria ido ontem a Wembley para vaiar os jogadores que foram muito mal na última Copa.

A afirmação retrata o que muita gente pensa de um grupo que foi para a África como um dos favoritos à conquista do título e acabou fora nas oitavas de final diante da Alemanha.

Márcio Bernardes é âncora da rede Transamérica de Rádio e professor universitário. www.marciobernardes.com.br

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;