Fechar
Publicidade

Sábado, 22 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Presidente do Irã diz que 'não há limite' para enriquecimento de urânio

Pr Iran/FotosPublicas Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Em um discurso diante de executivos de bancos, Rouhani disse que o programa nuclear está em uma "situação melhor" do que era antes do acordo nuclear



16/01/2020 | 11:49


O presidente do Irã, Hassan Rouhani, disse nesta quinta-feira que "não há limite" para o enriquecimento de urânio do país, após sua decisão de abandonar o acordo nuclear de 2015 há algumas semanas, quando se ampliaram as tensões entre Teerã e Washington.

Em um discurso diante de executivos de bancos, Rouhani disse que o programa nuclear está em uma "situação melhor" do que era antes do acordo nuclear.

O Irã cumpriu o acordo até o verão passado, quando começou a violar abertamente alguns dos limites impostos. Após um ataque americano em Badgá nas últimas semanas, contudo, que terminou na morte de um general da Guarda Revolucionária do Irã, o país persa disse que abandonaria todas as restrições do acordo nuclear.

Até agora, no entanto, apenas aumentou modestamente sua atividade nuclear. Nos últimos meses, o Irã elevou o enriquecimento de urânio para 4,5% - acima do limite de 3,67% estabelecido pelo pacto, mas longe do enriquecimento de 20% antes do acordo. O urânio deve ser enriquecido em 90% para ser usado em uma arma nuclear. Fonte: Associated Press.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Presidente do Irã diz que 'não há limite' para enriquecimento de urânio

Em um discurso diante de executivos de bancos, Rouhani disse que o programa nuclear está em uma "situação melhor" do que era antes do acordo nuclear


16/01/2020 | 11:49


O presidente do Irã, Hassan Rouhani, disse nesta quinta-feira que "não há limite" para o enriquecimento de urânio do país, após sua decisão de abandonar o acordo nuclear de 2015 há algumas semanas, quando se ampliaram as tensões entre Teerã e Washington.

Em um discurso diante de executivos de bancos, Rouhani disse que o programa nuclear está em uma "situação melhor" do que era antes do acordo nuclear.

O Irã cumpriu o acordo até o verão passado, quando começou a violar abertamente alguns dos limites impostos. Após um ataque americano em Badgá nas últimas semanas, contudo, que terminou na morte de um general da Guarda Revolucionária do Irã, o país persa disse que abandonaria todas as restrições do acordo nuclear.

Até agora, no entanto, apenas aumentou modestamente sua atividade nuclear. Nos últimos meses, o Irã elevou o enriquecimento de urânio para 4,5% - acima do limite de 3,67% estabelecido pelo pacto, mas longe do enriquecimento de 20% antes do acordo. O urânio deve ser enriquecido em 90% para ser usado em uma arma nuclear. Fonte: Associated Press.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;