Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 18 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Governador quer pacto por emprego, mas mantém Estado fechado, diz Bolsonaro



28/07/2020 | 09:12


Sem citar nomes, o presidente Jair Bolsonaro criticou o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), por propor um pacto pelo emprego e manter, ao mesmo tempo, medidas de isolamento social como forma de combate ao novo coronavírus. "Tem governador agora que quer pacto pelo emprego, mas ele continua com o Estado dele fechado", disse Bolsonaro a apoiadores na saída do Palácio da Alvorada na manhã desta terça-feira, 28.

Na segunda-feira, Dino escreveu, pelo Twitter, que encaminhou um ofício ao Presidente da República "propondo que ele reúna os governadores, entidades empresariais e trabalhadores, visando um Pacto Nacional pelo Emprego". "Hoje, o secretário de Política Econômica do Governo Federal anunciou que o desemprego vai aumentar", afirmou Dino.

Em entrevista à Folha de S.Paulo, o secretário de Política Econômica, Adolfo Sachsida, disse que a alta moderada nos índices de desemprego não reflete a realidade. "O desemprego já aumentou, os dados é que não mostram isso, sendo bem franco", disse na entrevista. "Temos de estar prontos para endereçar esse problema que vai afligir duramente a sociedade brasileira. Em setembro, os índices de desemprego vão dar um repique grande."



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Governador quer pacto por emprego, mas mantém Estado fechado, diz Bolsonaro


28/07/2020 | 09:12


Sem citar nomes, o presidente Jair Bolsonaro criticou o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), por propor um pacto pelo emprego e manter, ao mesmo tempo, medidas de isolamento social como forma de combate ao novo coronavírus. "Tem governador agora que quer pacto pelo emprego, mas ele continua com o Estado dele fechado", disse Bolsonaro a apoiadores na saída do Palácio da Alvorada na manhã desta terça-feira, 28.

Na segunda-feira, Dino escreveu, pelo Twitter, que encaminhou um ofício ao Presidente da República "propondo que ele reúna os governadores, entidades empresariais e trabalhadores, visando um Pacto Nacional pelo Emprego". "Hoje, o secretário de Política Econômica do Governo Federal anunciou que o desemprego vai aumentar", afirmou Dino.

Em entrevista à Folha de S.Paulo, o secretário de Política Econômica, Adolfo Sachsida, disse que a alta moderada nos índices de desemprego não reflete a realidade. "O desemprego já aumentou, os dados é que não mostram isso, sendo bem franco", disse na entrevista. "Temos de estar prontos para endereçar esse problema que vai afligir duramente a sociedade brasileira. Em setembro, os índices de desemprego vão dar um repique grande."

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;