Fechar
Publicidade

Sábado, 27 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Soldados turcos avançam pelo norte do Iraque


Da AFP

18/12/2007 | 09:46


Soldados turcos avançaram pelo norte do Iraque, área de ação dos combatentes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), afirmou à AFP Jabbar Yawar, porta-voz das forças curdas.

"Entraram em uma zona desértica onde nenhuma força iraquiana ou curda está mobilizada. Não sabemos quantos são e até onde avançaram em território iraquiano", disse.

Se a informação for confirmada, seria a primeira incursão de tropas em território iraquiano desde o início da crise, em outubro, quando a Turquia passou a ameaçar uma intervenção militar no Iraque para expulsar os rebeldes do PKK.

O anúncio do avanço foi feito no momento em que a secretária de Estado americana, Condoleezza Rice, faz uma visita surpresa a Kirkuk, norte do Iraque.

A visita de Rice tem como objetivo apoiar o esforço em favor da reconciliação mediada pelo novo enviado da ONU no Iraque, Staffan de Mistura, nesta cidade do Curdistão iraquiano (norte), de grande diversidade étnica e religiosa.

Durante a rápida viagem, que não foi anunciada com antecedência por motivos de segurança, a chefe da diplomacia de Washington pretende se reunir com representantes das comunidades que convivem na cidade, curda, árabes sunitas e xiitas, cristã e turcomana.

No domingo, a aviação turca bombardeou de modo intenso posições do PKK em Qandil, no Curdistão iraquiano, que abrigaria 3.500 combatentes rebeldes.

Os ataques foram condenados pelas autoridades iraquianas e do Curdistão, que consideraram os mesmos uma violação da soberania iraquiana.

Segundo a agência de notícias pró-PKK Firat, os bombardeios deixaram sete mortos, cinco combatentes e dois civis.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Soldados turcos avançam pelo norte do Iraque

Da AFP

18/12/2007 | 09:46


Soldados turcos avançaram pelo norte do Iraque, área de ação dos combatentes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), afirmou à AFP Jabbar Yawar, porta-voz das forças curdas.

"Entraram em uma zona desértica onde nenhuma força iraquiana ou curda está mobilizada. Não sabemos quantos são e até onde avançaram em território iraquiano", disse.

Se a informação for confirmada, seria a primeira incursão de tropas em território iraquiano desde o início da crise, em outubro, quando a Turquia passou a ameaçar uma intervenção militar no Iraque para expulsar os rebeldes do PKK.

O anúncio do avanço foi feito no momento em que a secretária de Estado americana, Condoleezza Rice, faz uma visita surpresa a Kirkuk, norte do Iraque.

A visita de Rice tem como objetivo apoiar o esforço em favor da reconciliação mediada pelo novo enviado da ONU no Iraque, Staffan de Mistura, nesta cidade do Curdistão iraquiano (norte), de grande diversidade étnica e religiosa.

Durante a rápida viagem, que não foi anunciada com antecedência por motivos de segurança, a chefe da diplomacia de Washington pretende se reunir com representantes das comunidades que convivem na cidade, curda, árabes sunitas e xiitas, cristã e turcomana.

No domingo, a aviação turca bombardeou de modo intenso posições do PKK em Qandil, no Curdistão iraquiano, que abrigaria 3.500 combatentes rebeldes.

Os ataques foram condenados pelas autoridades iraquianas e do Curdistão, que consideraram os mesmos uma violação da soberania iraquiana.

Segundo a agência de notícias pró-PKK Firat, os bombardeios deixaram sete mortos, cinco combatentes e dois civis.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;