Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 24 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Contrastes

Depois da bela participação da equipe paraolímpica brasileira em Pequim, as comparações com os resultados da delegação que disputou a Olimpíada normal


Especial para o Diário

19/09/2008 | 00:00


Depois da bela participação da equipe paraolímpica brasileira em Pequim, as comparações com os resultados da delegação que disputou a Olimpíada normal em agosto são inevitáveis.

Faltam mais interesse e memória do torcedor, principalmente fora do período da disputa. Porque com maior consciência é possível cobrar muito mais das nossas autoridades.

Não precisa ser especialista, nem acompanhar com mais cuidado a história e as competições recentes para saber antecipadamente que na Olimpíada normal nossas conquistas são produto do trabalho individual e isolado de alguns atletas privilegiados ou um projeto mais longo e elaborado como o vôlei.

Basta seguir a cobertura da imprensa e avaliar os resultados dos nossos atletas nas competições internacionais. Ganhamos medalhas aqui ou ali. Nada mais do que isso.

Já a equipe paraolímpica vem suplantando o time que participa das competições normais há algumas olimpíadas. Desta vez, o Brasil ficou em nono lugar na classificação geral, conquistando o total de 47 medalhas, sendo 16 de ouro, 14 de prata e 17 de bronze.

Nossos cartolas não estão muito preocupados na formação de um grande celeiro de craques e conquistadores de medalhas. Eles até têm competência, em sua maioria. Mas querem é construir estádios, ginásios, piscinas e outros centros esportivos, que são necessários sim, mas abrem espaço para negociatas sempre manjadas.

Aplicar nas crianças e jovens não oferece oportunidade para contatos com empreiteiras e negócios escusos.

Já o paraolimpismo, modestamente, sem grandes apoios e cobertura da imprensa, faz o seu papel, por sinal, com brilhantismo.

Outra coisa importante é que o deficiente físico aumenta seu orgulho pessoal e compensa possível frustração pela sua anomalia ao praticar esporte. E com garra elogiável nos enche de orgulho e satisfação. Muito mais do que os atletas cheios de saúde.

PALMEIRAS
A vitória do Palmeiras sobre o Vasco pela Copa Sul-Americana, além da classificação para a próxima etapa da competição, aumenta a confiança do elenco.

Na próxima rodada do Brasileiro poderemos ter muitas novidades. E dependendo dos resultados dos jogos de Palmeiras, que voltará a enfrentar o Vasco e Grêmio, que visitará o Atlético-PR, teremos uma nova visão dos favoritos para o título deste ano.

Os confrontos diretos vão se suceder e agora é hora de ver quem tem garrafa vazia para vender.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;