Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 21 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Polícia apreende mil produtos vencidos no Wal-Mart de Santo André


Do Diário OnLine

10/01/2006 | 16:55


Mais de mil produtos com data de validade vencida foram encontrados à venda no hipermercado Wal-Mart da avenida dos Estados, em Santo André. Três gerentes do estabelecimento foram presos, e liberados após pagar fiança.

Segundo a Rádio CBN, havia 1088 produtos vencidos ou fora das normas da Vigilância Sanitária. A Polícia Civil apreendeu os alimentos nesta terça-feira, após receber a queixa de um cliente, que comprou uma geléia vencida desde o dia 29 de novembro.

De acordo com o gerente do hipermercado, Aloísio Lacerda Medeiros, os produtos vencidos já tinham sido identificados, mas algum funcionário esqueceu de tirá-los da geladeira. Entre os alimentos que estavam vencidos, havia salame, peru, queijo e geléia.

Este não é o primeiro caso de venda de produtos fora do prazo de validade na região. No ano passado, um cliente denunciou a venda de produtos com a data de validade vencida na Cooperativa de Consumo dos Servidores Públicos de São Bernardo. Em julho passado, o Carrefour do bairro Homero Thon, em Santo André, teve cerca de 130 produtos apreendidos pelo mesmo motivo.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Polícia apreende mil produtos vencidos no Wal-Mart de Santo André

Do Diário OnLine

10/01/2006 | 16:55


Mais de mil produtos com data de validade vencida foram encontrados à venda no hipermercado Wal-Mart da avenida dos Estados, em Santo André. Três gerentes do estabelecimento foram presos, e liberados após pagar fiança.

Segundo a Rádio CBN, havia 1088 produtos vencidos ou fora das normas da Vigilância Sanitária. A Polícia Civil apreendeu os alimentos nesta terça-feira, após receber a queixa de um cliente, que comprou uma geléia vencida desde o dia 29 de novembro.

De acordo com o gerente do hipermercado, Aloísio Lacerda Medeiros, os produtos vencidos já tinham sido identificados, mas algum funcionário esqueceu de tirá-los da geladeira. Entre os alimentos que estavam vencidos, havia salame, peru, queijo e geléia.

Este não é o primeiro caso de venda de produtos fora do prazo de validade na região. No ano passado, um cliente denunciou a venda de produtos com a data de validade vencida na Cooperativa de Consumo dos Servidores Públicos de São Bernardo. Em julho passado, o Carrefour do bairro Homero Thon, em Santo André, teve cerca de 130 produtos apreendidos pelo mesmo motivo.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;