Cena Política

Ailton Lima se afasta de Paulinho, da Força




Ex-vereador e hoje secretário de Desenvolvimento Econômico de Santo André, Ailton Lima (SD) se reunirá na segunda-feira com o presidente nacional do Solidariedade, deputado federal Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força, para comunicar sobre decisão de deixar o partido. Ele pretende ser candidato a deputado federal no ano que vem e já tem a certeza de que entrará na disputa por outra legenda, ainda não definida. O PR é uma opção considerada, embora ida para o PSDB, do prefeito Paulo Serra, não esteja descartada. A alteração, aliás, vai passar pelo tucano. O desgaste com a atual sigla teria acontecido pela falta de apoio no pleito de 2016, quando ele, mesmo sem grande estrutura, obteve 49,9 mil votos – Ailton deve se licenciar do posto no alto escalão andreense antes do prazo legal.

Aprendeu a lição

Parece que o prefeito de Diadema, Lauro Michels (PV), aprendeu uma lição no comando do Executivo. Depois de o TCE (Tribunal de Contas do Estado) condenar uso de recursos de multa para pagar aluguel da sede da Secretaria de Transportes e precatórios, ferindo o CTB (Código de Trânsito Brasileiro), na quinta-feira, projeto do verde passou na Câmara mudando a lei que trata sobre o fundo de trânsito. Agora, a verba será utilizada somente para destinação do setor, e não mais para outras finalidades. Depositada em contas exclusivas.

Convite da Câmara

Secretário de Finanças da Prefeitura de Santo André, José Grecco deve comparecer à Câmara no dia 23 de outubro para prestar esclarecimentos sobre projeto da atualização da PGV (Planta Genérica de Valores), que tende a elevar o IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) de parte da população. O convite se deu por requerimento do vereador Willians Bezerra (PT).

Estendido

O Paço de Ribeirão Pires prorrogou o prazo de adesão ao programa de Recuperação Fiscal, conhecido como Refis. A negociação pode ser firmada até o dia 30 de novembro, a partir de débitos gerados até 31 de dezembro do ano passado. Na cidade, há cerca de 19 mil contribuintes que possuem passivo pendente junto à Prefeitura, totalizando R$ 85,8 milhões.

Desconversou mais uma vez

Em meio à discussão da Prefeitura de Mauá com a FUABC (Fundação do ABC), o chefe do Executivo mauaense, Atila Jacomussi (PSB), evitou em entrevista coletiva cravar a continuidade da entidade à frente dos equipamentos de Saúde. Ao ser questionado, o socialista desconversou sobre a possível ida da APGP (Associação Paulista de Gestão Pública), como se especula nos bastidores da cidade.

Perygo animal – 1

Depois de apresentar projetos para criação de Hospital Veterinário na cidade, autorização de entrada de animais nos parques municipais e incentivo a campanhas de vacinação animal, desta vez, o vereador e presidente do Legislativo, Pery Cartola (PSDB), viu sancionada proposta para obrigar proprietários a fixar placas alertando sobre a presença de animal perigoso.

Perygo animal – 2

Mais votado à Câmara de São Bernardo no pleito do ano passado, o parlamentar Pery Cartola (PSDB) resistiu em aceitar que a causa animal tinha sido grande impulso para ser campeão de sufrágios no pleito. Na ocasião, o tucano destacou seu papel como opositor ao governo do prefeito Luiz Marinho (PT). Mais do que nunca, ele tem focado mandato neste segmento. 

Comentários


Veja Também



Voltar