Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 6 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Escolas de samba do Grupo A de Santo André desfilam hoje no Espaço Pirelli


Willian Novaes
Do Diário do Grande ABC

14/02/2010 | 07:23


O desfile das seis escolas do Grupo A de Santo André começa hoje a partir das 20h30, no sambódromo montado no Espaço Pirelli, na Avenida Giovani Batista Pirelli, na Vila Homero Thon. Estão previstas mais de seis horas de samba no pé durante a noite e madrugada. Os foliões vão passar pelos 300 metros da avenida com a expectativa de arquibancada lotada. Na noite de ontem e madrugada de hoje ocorreu o desfile das agremiações das categorias Aspirantes, Pleiteante e Grupo B.

A Prefeitura de Santo André espera hoje a presença de cerca de dez mil pessoas no sambódromo. Esse é o primeiro ano que as agremiações vão desfilar em um local preparado especialmente para o Carnaval andreense.

A decisão da mudança foi aprovada pelas escolas. Antes, a apresentação era na Avenida Firestone, no Jardim América.

"Com certeza agora teremos mais visibilidade com a evolução da escola e todos vão conseguir assistir os desfiles com conforto, sem uma curva no meio do caminho (como acontecia na Avenida Firestone)", disse Luiz Roberto Britto Gomes, o Luizinho, presidente da Tradição de Ouro, a campeã do Carnaval de 2009.

A primeira a entrar na passarela, às 20h30, será a Acadêmicos do Centreville. com o enredo É Luxo, é Sedução, Sonho e Ilusão... Dinheiro na Mão é Vendaval.

Na sequência é a vez da tradicional escola Ocara Clube. A última a desfilar, já no domingo, por volta das 2h, é a Lírios de Ouro, que vem com o enredo A Lírios faz a Festa e Traz um ABC de Presentes Pra Você

Para controlar a segurança do evento, a administração municipal disponibilizou 150 agentes da Guarda Civil Municipal, mais o reforço de 120 policiais militares. A Defesa Civil treinou 60 brigadistas de incêndio.

Lanches - Os passistas e espectadores poderão encontrar barracas com lanches e alimentos e 60 banheiros químicos atrás das arquibancadas. No espaço também haverá uma tenda do Conselho Tutelar, para onde serão levadas as crianças que se perderem dos pais ou responsáveis.

Não será permitido a entrada na arena de bebidas alcoólicas, objetos pontiagudos, latas e garrafas de vidro. Uma ambulância do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) ficará de plantão.

Trabalho, calor e correria na reta final
As últimas campeãs do Carnaval de Santo André estão nos finalmentes para o desfile de hoje. Ontem, os barracões da Tradição de Ouro, a vencedora do Grupo A, e da Centre Ville, que subiu com o título do Grupo B, estavam a todo vapor.

O calor e nervosismo eram presentes nos locais. No bairro Santa Terezinha, onde ficam os carros e as alegorias da Tradição, os voluntários terminavam os últimos detalhes dos três carros que a escola levará para o sambódromo.

O presidente Luiz Roberto Britto Gomes, o Luizinho, precisou correr para a região da 25 de Março, na Capital, para comprar as últimas peças.

"As fantasias ficaram prontas bem antes, mas agora sempre aparecem os detalhes e isso dá muito trabalho. O problema é o nervosismo e a expectativa", comenta Luizinho.

A escola levará de 320 a 350 integrantes, divididos em dez alas. O tema do desfile será a África e as suas lendas.

Alguns dos 60 músicos da bateria acertavam a sintonia, na tarde de ontem, no galpão emprestado pelo clube Ouro Verde. No local são guardadas as fantasias. Com as últimas chuvas, uma enchente quase levou toda a produção da escola que estava no clube.

"Se fizermos um desfile do jeito que a gente pensa, vai ser difícil tirar o título da gente. O que não pode é ter erros ou quebras, aí fica complicado", completa Luizinho.

No barracão da Acadêmicos do Centre Ville, as costureiras e os decoradores dos carros trabalhavam sem parar, mesmo com o calor.

As fantasias estão prontas, mas três costureiras dividiram duas máquinas nos últimos dias em turnos. Enquanto uma dorme, as outras trabalham fazendo barras de calças, colocando enfeites em camisetas, entre outros detalhes.

"Estamos morando por aqui há cinco meses, só assim para tudo ficar pronto e não ter problemas", afirma a primeira-dama da escola, Sônia Moraes do Nascimento.

A madrinha da bateria e decoradora, Fabiana da Costa, corria para terminar um dos carros. "Cansa, mas a gente faz por amor. Isso que importa", diz Fabiana.

Confira a programação deste domingo:

Acadêmicos Do Centre Ville - 20h
Ocara Clube - 21h05
São Jorge - 22h10
Tradição de Ouro - 23h15
Seci - 00h20
Lírios de Ouro - 01h25



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Escolas de samba do Grupo A de Santo André desfilam hoje no Espaço Pirelli

Willian Novaes
Do Diário do Grande ABC

14/02/2010 | 07:23


O desfile das seis escolas do Grupo A de Santo André começa hoje a partir das 20h30, no sambódromo montado no Espaço Pirelli, na Avenida Giovani Batista Pirelli, na Vila Homero Thon. Estão previstas mais de seis horas de samba no pé durante a noite e madrugada. Os foliões vão passar pelos 300 metros da avenida com a expectativa de arquibancada lotada. Na noite de ontem e madrugada de hoje ocorreu o desfile das agremiações das categorias Aspirantes, Pleiteante e Grupo B.

A Prefeitura de Santo André espera hoje a presença de cerca de dez mil pessoas no sambódromo. Esse é o primeiro ano que as agremiações vão desfilar em um local preparado especialmente para o Carnaval andreense.

A decisão da mudança foi aprovada pelas escolas. Antes, a apresentação era na Avenida Firestone, no Jardim América.

"Com certeza agora teremos mais visibilidade com a evolução da escola e todos vão conseguir assistir os desfiles com conforto, sem uma curva no meio do caminho (como acontecia na Avenida Firestone)", disse Luiz Roberto Britto Gomes, o Luizinho, presidente da Tradição de Ouro, a campeã do Carnaval de 2009.

A primeira a entrar na passarela, às 20h30, será a Acadêmicos do Centreville. com o enredo É Luxo, é Sedução, Sonho e Ilusão... Dinheiro na Mão é Vendaval.

Na sequência é a vez da tradicional escola Ocara Clube. A última a desfilar, já no domingo, por volta das 2h, é a Lírios de Ouro, que vem com o enredo A Lírios faz a Festa e Traz um ABC de Presentes Pra Você

Para controlar a segurança do evento, a administração municipal disponibilizou 150 agentes da Guarda Civil Municipal, mais o reforço de 120 policiais militares. A Defesa Civil treinou 60 brigadistas de incêndio.

Lanches - Os passistas e espectadores poderão encontrar barracas com lanches e alimentos e 60 banheiros químicos atrás das arquibancadas. No espaço também haverá uma tenda do Conselho Tutelar, para onde serão levadas as crianças que se perderem dos pais ou responsáveis.

Não será permitido a entrada na arena de bebidas alcoólicas, objetos pontiagudos, latas e garrafas de vidro. Uma ambulância do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) ficará de plantão.

Trabalho, calor e correria na reta final
As últimas campeãs do Carnaval de Santo André estão nos finalmentes para o desfile de hoje. Ontem, os barracões da Tradição de Ouro, a vencedora do Grupo A, e da Centre Ville, que subiu com o título do Grupo B, estavam a todo vapor.

O calor e nervosismo eram presentes nos locais. No bairro Santa Terezinha, onde ficam os carros e as alegorias da Tradição, os voluntários terminavam os últimos detalhes dos três carros que a escola levará para o sambódromo.

O presidente Luiz Roberto Britto Gomes, o Luizinho, precisou correr para a região da 25 de Março, na Capital, para comprar as últimas peças.

"As fantasias ficaram prontas bem antes, mas agora sempre aparecem os detalhes e isso dá muito trabalho. O problema é o nervosismo e a expectativa", comenta Luizinho.

A escola levará de 320 a 350 integrantes, divididos em dez alas. O tema do desfile será a África e as suas lendas.

Alguns dos 60 músicos da bateria acertavam a sintonia, na tarde de ontem, no galpão emprestado pelo clube Ouro Verde. No local são guardadas as fantasias. Com as últimas chuvas, uma enchente quase levou toda a produção da escola que estava no clube.

"Se fizermos um desfile do jeito que a gente pensa, vai ser difícil tirar o título da gente. O que não pode é ter erros ou quebras, aí fica complicado", completa Luizinho.

No barracão da Acadêmicos do Centre Ville, as costureiras e os decoradores dos carros trabalhavam sem parar, mesmo com o calor.

As fantasias estão prontas, mas três costureiras dividiram duas máquinas nos últimos dias em turnos. Enquanto uma dorme, as outras trabalham fazendo barras de calças, colocando enfeites em camisetas, entre outros detalhes.

"Estamos morando por aqui há cinco meses, só assim para tudo ficar pronto e não ter problemas", afirma a primeira-dama da escola, Sônia Moraes do Nascimento.

A madrinha da bateria e decoradora, Fabiana da Costa, corria para terminar um dos carros. "Cansa, mas a gente faz por amor. Isso que importa", diz Fabiana.

Confira a programação deste domingo:

Acadêmicos Do Centre Ville - 20h
Ocara Clube - 21h05
São Jorge - 22h10
Tradição de Ouro - 23h15
Seci - 00h20
Lírios de Ouro - 01h25

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;