Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 3 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Empresa panamenha comprará 30 jatos da Embraer


Da AFP

20/10/2004 | 08:04


A companhia aérea panamenha Copa Airlines vai adquirir 30 jatos Embraer-190 por US$ 900 milhões. O presidente-executivo da empresa, Pedro Heilbron, afirmou na terça-feira que quer reforçar suas operações na América.

Segundo Heilbron, que assinou o contrato com o presidente e diretor-executivo da Embraer, Mauricio Botelho, os dez primeiros aviões serão entregues em novembro de 2005.

O empresário disse que o modelo 190 permitirá à Copa Airlines "equilibrar a capacidade e a demanda dos pequenos mercados que podem se servir de maneira mais eficiente com aeronaves de 100 assentos".

"O 190 nos ajudará a garantir que operemos a aeronave do tamanho indicado para todas as cidades em nossa rede, e nos permitirá acrescentar freqüências e destinos conforme o crescimento da demanda", frisou.

A Copa iniciou suas operações no Panamá em 1947 e, hoje, voa para 31 destinos em 20 países da América do Norte, Central, do Sul e Caribe.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Empresa panamenha comprará 30 jatos da Embraer

Da AFP

20/10/2004 | 08:04


A companhia aérea panamenha Copa Airlines vai adquirir 30 jatos Embraer-190 por US$ 900 milhões. O presidente-executivo da empresa, Pedro Heilbron, afirmou na terça-feira que quer reforçar suas operações na América.

Segundo Heilbron, que assinou o contrato com o presidente e diretor-executivo da Embraer, Mauricio Botelho, os dez primeiros aviões serão entregues em novembro de 2005.

O empresário disse que o modelo 190 permitirá à Copa Airlines "equilibrar a capacidade e a demanda dos pequenos mercados que podem se servir de maneira mais eficiente com aeronaves de 100 assentos".

"O 190 nos ajudará a garantir que operemos a aeronave do tamanho indicado para todas as cidades em nossa rede, e nos permitirá acrescentar freqüências e destinos conforme o crescimento da demanda", frisou.

A Copa iniciou suas operações no Panamá em 1947 e, hoje, voa para 31 destinos em 20 países da América do Norte, Central, do Sul e Caribe.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;