Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 2 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Retinopatia diabética



01/07/2011 | 00:00



A doença, provocada por portadores de diabetes melittus, é uma das principais causas de cegueira entre adultos. A diabetes acaba por afetar os vasos sanguíneos do olho, causando estreitamento, hemorragias e infiltração de gordura na retina.

Até então o tratamento cirurgico era o mais recomendado para os casos de retinoplatia diabética, mas um novo estudo pode trazer esperança para os portadores da doença. No estudo, realizado pela University Of Georgia College of Fharmacy, cientistas trataram ratos diabéticos com uma substância denominada estatina, que previne a deterioração de nervos da retina causada por radicais livres.

A retinoplatia diabética se caracteriza pelos sintomas: visão embaçada, cegueira noturna, visão dupla, perda de visão periférica, dificuldade de leitura e sensação de peso nos olhos. Para prevenir a doença é necessário um rigido controle da glicose sanguínea e da pressão arterial que também pode danificar os vasos sanguíneos da retina.

Por Yasmin Barcellos



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;