Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 17 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Matéria do Diário ajuda segurada a obter benefício do INSS


Marcelo de Paula
Do Diário do Grande ABC

06/11/2007 | 07:10


Reportagem publicada pelo Diário, no dia 1º de novembro, acabou ajudando a dona-de-casa, Maria Conceição Liotti Aquino, 69 anos, residente em Ribeirão Pires, a conseguir a concessão da aposentadoria por idade.

Intitulada “INSS deixa de pagar benefícios já concedidos”, a matéria contava o caso, denunciado pela advogada Fabiola Chericoni, de segurados que ganhavam na Justiça o direito à aposentadoria, tinham os atrasados pagos pelo INSS, mas o benefício propriamente dito não era liberado, havendo, em várias situações, a necessidade de abertura de nova ação judicial contra o órgão.

Maria Conceição era uma dessas pessoas. Ela já havia recebido os atrasados, mas desde janeiro aguardava a carta de concessão da aposentadoria, que o INSS deveria lhe enviar pelo Correio.

Nota - Na ocasião, a reportagem do Diário entrou em contato com o INSS, que não pôde dar uma resposta de imediato porque teria de fazer uma análise da situação.

 Nesta segunda-feira, a assessoria de imprensa do Instituto enviou uma nota de esclarecimento destacando a concessão do benefício:

“Com relação à matéria ‘INSS deixa de pagar benefícios já concedidos’, publicada no dia 1º, esclarecemos que a segurada Maria da Conceição Liotti de Aquino teve seu pedido de aposentadoria indeferido em 8/9/2005, por não contar com o número mínimo exigido de contribuições para ter direito ao benefício. Isso porque, em 9/2005, a sra. Maria Conceição contava com 9 anos, um mês e 17 dias de tempo de contribuição e, naquele ano, o número mínimo exigido era de 12 anos (144 contribuições).A segurada entrou com ação judicial para concessão da aposentadoria e obteve parecer favorável do juiz. Em janeiro deste ano, o INSS recebeu o documento da Justiça determinando a implantação do benefício, mas por um problema no sistema de informática, o processo não havia sido concedido até agora.

Ciente neste momento dessa situação, o INSS providenciou a concessão da aposentadoria. Em aproximadamente 20 dias, a segurada deverá receber uma carta comunicando o direito ao benefício”.

Comemoração - Maria Conceição, ao saber da notícia, comemorou e disse estar torcendo por outros segurados.

“Espero que as outras pessoas que se encontram na mesma situação que eu, também consigam resolver a questão. Vamos esperar para ver se a carta realmente chega”, disse.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Matéria do Diário ajuda segurada a obter benefício do INSS

Marcelo de Paula
Do Diário do Grande ABC

06/11/2007 | 07:10


Reportagem publicada pelo Diário, no dia 1º de novembro, acabou ajudando a dona-de-casa, Maria Conceição Liotti Aquino, 69 anos, residente em Ribeirão Pires, a conseguir a concessão da aposentadoria por idade.

Intitulada “INSS deixa de pagar benefícios já concedidos”, a matéria contava o caso, denunciado pela advogada Fabiola Chericoni, de segurados que ganhavam na Justiça o direito à aposentadoria, tinham os atrasados pagos pelo INSS, mas o benefício propriamente dito não era liberado, havendo, em várias situações, a necessidade de abertura de nova ação judicial contra o órgão.

Maria Conceição era uma dessas pessoas. Ela já havia recebido os atrasados, mas desde janeiro aguardava a carta de concessão da aposentadoria, que o INSS deveria lhe enviar pelo Correio.

Nota - Na ocasião, a reportagem do Diário entrou em contato com o INSS, que não pôde dar uma resposta de imediato porque teria de fazer uma análise da situação.

 Nesta segunda-feira, a assessoria de imprensa do Instituto enviou uma nota de esclarecimento destacando a concessão do benefício:

“Com relação à matéria ‘INSS deixa de pagar benefícios já concedidos’, publicada no dia 1º, esclarecemos que a segurada Maria da Conceição Liotti de Aquino teve seu pedido de aposentadoria indeferido em 8/9/2005, por não contar com o número mínimo exigido de contribuições para ter direito ao benefício. Isso porque, em 9/2005, a sra. Maria Conceição contava com 9 anos, um mês e 17 dias de tempo de contribuição e, naquele ano, o número mínimo exigido era de 12 anos (144 contribuições).A segurada entrou com ação judicial para concessão da aposentadoria e obteve parecer favorável do juiz. Em janeiro deste ano, o INSS recebeu o documento da Justiça determinando a implantação do benefício, mas por um problema no sistema de informática, o processo não havia sido concedido até agora.

Ciente neste momento dessa situação, o INSS providenciou a concessão da aposentadoria. Em aproximadamente 20 dias, a segurada deverá receber uma carta comunicando o direito ao benefício”.

Comemoração - Maria Conceição, ao saber da notícia, comemorou e disse estar torcendo por outros segurados.

“Espero que as outras pessoas que se encontram na mesma situação que eu, também consigam resolver a questão. Vamos esperar para ver se a carta realmente chega”, disse.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;