Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 4 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Ladeira vira lama em dias de chuva


Bruno Ribeiro
Especial para o Diário

26/09/2005 | 08:08


Subir a ladeira da rua Apolo, na Vila Suzuki, em Rio Grande da Serra, em dias de chuva faz os moradores pensarem que estão em um verdadeiro rally. A subida íngreme e sinuosa é de terra batida e os carros avançam com dificuldade. Os moradores da rua dizem estar cansados de pedir para a Prefeitura asfaltar a rua.

A perua escolar costuma atolar na primeira curva da subida. "Desde que eu me mudei para cá, há 12 anos, prometem o asfaltamento. Toda eleição os políticos vêm aqui fazer promessa. O que eu sei é que quase caí com o carro dentro da casa do vizinho por ter derrapado no lamaçal", diz a dona-de-casa Josinete Santos Ferreira. "Tem um ônibus fretado de empresa que vem deixar um morador no alto da rua. O ônibus passa mesmo com o chão molhado, mas deixa o caminho torto quando o barro seca", diz a dona-de-casa Caroline Nascimento da Silva, 20 anos.

Os pedestres também sofrem para subir e sujam os pés de lama quando chove. Como a rua Apolo também não tem calçadas, as opções dos pedestres são o caminho de terra ou a passagem pela grama, no canto da rua. Quando chove, o pedestre opta pela lama ou grama molhada. Em dias secos, a preocupação dos moradores é com a limpeza em casa. A terra batida levanta poeira, que entra em casa.

A Prefeitura informou que conseguiu verba para asfaltar ruas, inclusive algumas da Vila Suzuki. A rua Apolo, porém, não está na lista das beneficiadas nessa primeira liberação. A administração diz que há estudos para que a rua seja capeada, mas a realização das obras depende da liberação de verba federal e não há prazo para isso ocorrer.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ladeira vira lama em dias de chuva

Bruno Ribeiro
Especial para o Diário

26/09/2005 | 08:08


Subir a ladeira da rua Apolo, na Vila Suzuki, em Rio Grande da Serra, em dias de chuva faz os moradores pensarem que estão em um verdadeiro rally. A subida íngreme e sinuosa é de terra batida e os carros avançam com dificuldade. Os moradores da rua dizem estar cansados de pedir para a Prefeitura asfaltar a rua.

A perua escolar costuma atolar na primeira curva da subida. "Desde que eu me mudei para cá, há 12 anos, prometem o asfaltamento. Toda eleição os políticos vêm aqui fazer promessa. O que eu sei é que quase caí com o carro dentro da casa do vizinho por ter derrapado no lamaçal", diz a dona-de-casa Josinete Santos Ferreira. "Tem um ônibus fretado de empresa que vem deixar um morador no alto da rua. O ônibus passa mesmo com o chão molhado, mas deixa o caminho torto quando o barro seca", diz a dona-de-casa Caroline Nascimento da Silva, 20 anos.

Os pedestres também sofrem para subir e sujam os pés de lama quando chove. Como a rua Apolo também não tem calçadas, as opções dos pedestres são o caminho de terra ou a passagem pela grama, no canto da rua. Quando chove, o pedestre opta pela lama ou grama molhada. Em dias secos, a preocupação dos moradores é com a limpeza em casa. A terra batida levanta poeira, que entra em casa.

A Prefeitura informou que conseguiu verba para asfaltar ruas, inclusive algumas da Vila Suzuki. A rua Apolo, porém, não está na lista das beneficiadas nessa primeira liberação. A administração diz que há estudos para que a rua seja capeada, mas a realização das obras depende da liberação de verba federal e não há prazo para isso ocorrer.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;