Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 25 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

'Esperamos que o gás caia, 20%, 30%. pelo menos', diz Guedes

Arquivo/Agência Brasil Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


08/09/2020 | 13:06


O ministro da Economia, Paulo Guedes, destacou nesta terça-feira, 8, redução esperada de 20% a 30% no preço gás de cozinha com a aprovação da nova Lei do Gás. O chefe da Economia foi questionado sobre o tema pela youtuber mirim Esther Castilho antes da reunião ministerial ocorrida nesta data.

Sob a orientação do presidente Jair Bolsonaro, a menina de dez anos fez perguntas para os ministros.

A questão sobre o aumento do preço do gás de cozinha foi originalmente direcionada para Bento Albuquerque, ministro de Minas e Energia, que se esquivou e disse: "Pergunta para o Paulo Guedes."

"Com ajuda do ministro Bento (Albuquerque de Minas e Energia), nós estamos aprovando a Lei do Gás Natural e aí vamos dar um choque de energia barata. Esperamos que o gás caia 20%, 30%, pelo menos", declarou Guedes.

O Novo Marco Legal para o Mercado de Gás Natural no País foi aprovado na Câmara na semana passada.

O texto, que é uma das principais pautas de interesse do governo, será agora analisado pelos senadores.

Pelos cálculos do governo, as novas regras para o setor podem destravar investimentos da ordem de R$ 43 bilhões.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

'Esperamos que o gás caia, 20%, 30%. pelo menos', diz Guedes


08/09/2020 | 13:06


O ministro da Economia, Paulo Guedes, destacou nesta terça-feira, 8, redução esperada de 20% a 30% no preço gás de cozinha com a aprovação da nova Lei do Gás. O chefe da Economia foi questionado sobre o tema pela youtuber mirim Esther Castilho antes da reunião ministerial ocorrida nesta data.

Sob a orientação do presidente Jair Bolsonaro, a menina de dez anos fez perguntas para os ministros.

A questão sobre o aumento do preço do gás de cozinha foi originalmente direcionada para Bento Albuquerque, ministro de Minas e Energia, que se esquivou e disse: "Pergunta para o Paulo Guedes."

"Com ajuda do ministro Bento (Albuquerque de Minas e Energia), nós estamos aprovando a Lei do Gás Natural e aí vamos dar um choque de energia barata. Esperamos que o gás caia 20%, 30%, pelo menos", declarou Guedes.

O Novo Marco Legal para o Mercado de Gás Natural no País foi aprovado na Câmara na semana passada.

O texto, que é uma das principais pautas de interesse do governo, será agora analisado pelos senadores.

Pelos cálculos do governo, as novas regras para o setor podem destravar investimentos da ordem de R$ 43 bilhões.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;