Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 14 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

VLT é opção para ligar o Grande ABC a Guarulhos

Celso Luiz/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

CPTM conclui estudo funcional de modal sobre trilhos que ligará as duas regiões


Daniel Macário
Do Diário do Grande ABC

04/08/2018 | 07:00


 O sonhado projeto de construção de um corredor sobre trilhos que ligará o Grande ABC, a partir de Santo André, à cidade e ao Aeroporto de Guarulhos, na Região Metropolitana de São Paulo, enfim dá seus primeiros sinais de avanço. Estudo funcional elaborado por técnicos da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) foi finalizado nas últimas semanas e, a partir de agora, passa por série de análises por parte da alta cúpula da companhia estadual.

Embora a CPTM diga que o processo nada mais é do que apenas um material que foi colocado em discussão, sem qualquer perspectiva concreta de sair do papel, representantes do Grande ABC celebram a retomada da discussão do projeto.

Desde 2010, a alta cúpula do Palácio dos Bandeirantes tem avaliado a possibilidade de implantar o sistema de VLT no Grande ABC como alternativa ao transporte público da Região Metropolitana de São Paulo. Naquele ano, inclusive, Santo André e Mauá chegaram a disputar qual das duas cidades iria sediar a estação de linha de transporte coletivo ligando o Grande ABC a Guarulhos.

À época, à frente do Paço andreense, o ex-prefeito Aidan Ravin (ex-PTB, atual Podemos) propôs a revitalização da Estação Pirelli para sediar o transporte. Coincidência ou não, justamente nesta semana a CPTM e a Prefeitura de Santo André sinalizaram acordo para reativação da antiga parada ferroviária, desativada em 2006.

O local possui grande área ociosa, com condições para estrutura de interligação com a CPTM e transporte municipal. A administração também prevê ampliar o percurso do corredor de ônibus que liga a região da Vila Luzita ao Centro pela Avenida Capitão Mário de Toledo Camargo, até a parada Pirelli.

“Vejo esse cenário com bastante otimismo, mas também ao mesmo tempo com bastante realismo. A gente continua focado, num primeiro momento, em tirar do papel a estação de trem. Mas não tenho dúvida nenhuma que é uma boa notícia para a cidade (a conclusão do estudo)”, avalia o prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB).

Ainda em fase de discussão, o projeto do futuro VLT não possui nenhum cronograma pré-definido, muito menos trajeto. Segundo a CPTM, “a localização e o número de estações da futura ligação entre o Grande ABC e Guarulhos só serão definidos após a realização dos projetos básico e executivo”, sem prazo para elaboração.

No entanto, conforme apurado pelo Diário, o projeto deve reaproveitar parte do traçado já feito pelo governo estadual em meados de 2010. Nele, o VLT sairia da Avenida dos Estados até a Avenida André Ramalho, em seguida pelas avenidas Jorge Bereta, das Nações e então pela Rua do Oratório, na divisa com a Capital. O VLT faria ainda conexão direta com o Aeroporto Internacional de Guarulhos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

VLT é opção para ligar o Grande ABC a Guarulhos

CPTM conclui estudo funcional de modal sobre trilhos que ligará as duas regiões

Daniel Macário
Do Diário do Grande ABC

04/08/2018 | 07:00


 O sonhado projeto de construção de um corredor sobre trilhos que ligará o Grande ABC, a partir de Santo André, à cidade e ao Aeroporto de Guarulhos, na Região Metropolitana de São Paulo, enfim dá seus primeiros sinais de avanço. Estudo funcional elaborado por técnicos da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) foi finalizado nas últimas semanas e, a partir de agora, passa por série de análises por parte da alta cúpula da companhia estadual.

Embora a CPTM diga que o processo nada mais é do que apenas um material que foi colocado em discussão, sem qualquer perspectiva concreta de sair do papel, representantes do Grande ABC celebram a retomada da discussão do projeto.

Desde 2010, a alta cúpula do Palácio dos Bandeirantes tem avaliado a possibilidade de implantar o sistema de VLT no Grande ABC como alternativa ao transporte público da Região Metropolitana de São Paulo. Naquele ano, inclusive, Santo André e Mauá chegaram a disputar qual das duas cidades iria sediar a estação de linha de transporte coletivo ligando o Grande ABC a Guarulhos.

À época, à frente do Paço andreense, o ex-prefeito Aidan Ravin (ex-PTB, atual Podemos) propôs a revitalização da Estação Pirelli para sediar o transporte. Coincidência ou não, justamente nesta semana a CPTM e a Prefeitura de Santo André sinalizaram acordo para reativação da antiga parada ferroviária, desativada em 2006.

O local possui grande área ociosa, com condições para estrutura de interligação com a CPTM e transporte municipal. A administração também prevê ampliar o percurso do corredor de ônibus que liga a região da Vila Luzita ao Centro pela Avenida Capitão Mário de Toledo Camargo, até a parada Pirelli.

“Vejo esse cenário com bastante otimismo, mas também ao mesmo tempo com bastante realismo. A gente continua focado, num primeiro momento, em tirar do papel a estação de trem. Mas não tenho dúvida nenhuma que é uma boa notícia para a cidade (a conclusão do estudo)”, avalia o prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB).

Ainda em fase de discussão, o projeto do futuro VLT não possui nenhum cronograma pré-definido, muito menos trajeto. Segundo a CPTM, “a localização e o número de estações da futura ligação entre o Grande ABC e Guarulhos só serão definidos após a realização dos projetos básico e executivo”, sem prazo para elaboração.

No entanto, conforme apurado pelo Diário, o projeto deve reaproveitar parte do traçado já feito pelo governo estadual em meados de 2010. Nele, o VLT sairia da Avenida dos Estados até a Avenida André Ramalho, em seguida pelas avenidas Jorge Bereta, das Nações e então pela Rua do Oratório, na divisa com a Capital. O VLT faria ainda conexão direta com o Aeroporto Internacional de Guarulhos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;