Fechar
Publicidade

Domingo, 20 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Príncipe Harry conforta mulher que perdeu familiar para o coronavírus e pode ganhar mais de cinco milhões com discursos futuros

Reprodução/Instragram Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


25/06/2020 | 10:10


Meghan Markle e Príncipe Harry não estão deixando a pandemia afetar seus projetos sociais! Isso porque, na última terça-feira, dia 23, o casal se juntou a trabalhadores para produzir refeições destinadas à caridade em Los Angeles, cidade em que estão vivendo nos Estados Unidos.

Os pais de Archie visitaram a organização social Homeboy Industries, que busca melhorar a vida de ex-detentos e pessoas que já se envolveram com gangues na cidade da Califórnia. Juntamente a estes indivíduos, Harry e Meghan prepararam a comida, feita para ser entregue a jovens e idosos que estão em situação de risco, tanto de saúde como financeiro, em decorrência do novo coronavírus.

- Acho que agora que eles estão em Los Angeles, eles são o verdadeiro negócio, esses dois. Eles realmente querem causar impacto, então eu lhes dou muito crédito, porque acho que seus corações e mentes estão no lugar certo, revelou Greg Boyle, fundador da organização, conforme noticiado pela Us Magazine.

Segundo relato, ficou claro para todos os trabalhadores que Meghan e Harry não queriam apenas conversar, mas sim participar das atividades. Além disso, Greg Boyle também revelou que já conhecia a ex-atriz antes mesmo dela fazer parte da família real britânica, visto que ela já havia trabalhado voluntariamente aos 20 anos de idade na companhia de sua mãe, Doria Ragland.

Na ocasião, inclusive, Harry deixou de lado as regras da quarentena e confortou uma mulher que havia perdido o marido. De acordo com o fundador, o duque a abraçou assim que soube de sua história.

- Harry foi imediato. Ele apenas a abraçou e a abraçou por um longo tempo. Foi muito, muito emocionante.

A participação de Meghan e Harry no projeto também foi muito importante, visto que eles conversaram bastante sobre o impacto do novo coronavírus com os presentes.

O casal, inclusive, fechou recentemente um contrato com a agência Harry Walker, responsável por organizar circuitos de palestras. Dentre os clientes de destaque, estão Bill e Hillary Clinton, Barack Obama e Oprah Winfrey. A informação é do jornal LA Times, que entrou em contato com um especialista em relações públicas chamado Mark Borkowski para falar sobre os planos do casal.

- Eles planejam estar disponíveis para conversas sobre questões sociais, incluindo justiça racial, igualdade de gênero, meio ambiente e saúde mental. Estou surpreso que eles não tenham feito isso antes. Será um dos grandes geradores de renda para eles. O circuito do orador é um espaço natural seguro para eles lucrarem, afirmou, revelando também que Meghan e Harry podem chegar a receber cerca de um milhão de dólares, cerca de cinco milhões e 350 mil reais, a cada discurso.

Se juntar à agência Harry Walker é uma das principais atividades do casal depois que ambos deixaram a família real em janeiro deste ano, após uma série de rumores envolvendo desavenças entre os membros da realeza com Meghan Markle. Tais problemas ficaram ainda mais evidentes atualmente por conta do lançamento de um livro chamado Kensington Palace: An Intimate Memoir from Queen Mary to Meghan Markle, em português Palácio de Kensington: Um Relato Íntimo desde os Tempos da Rainha Mary à Meghan Markle.

Escrita por Tom Quinn, um correspondente da realeza britânica, a obra promete entregar diversos detalhes, incluindo apelidos nada carinhosos que Meghan recebeu enquanto morava no Reino Unido. Segundo o portal Fox News, a ex-atriz era chamada Me-Gain, algo como Sempre Eu, porque tinha fama de ser diferentona e, por vezes, mau humorada.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Príncipe Harry conforta mulher que perdeu familiar para o coronavírus e pode ganhar mais de cinco milhões com discursos futuros


25/06/2020 | 10:10


Meghan Markle e Príncipe Harry não estão deixando a pandemia afetar seus projetos sociais! Isso porque, na última terça-feira, dia 23, o casal se juntou a trabalhadores para produzir refeições destinadas à caridade em Los Angeles, cidade em que estão vivendo nos Estados Unidos.

Os pais de Archie visitaram a organização social Homeboy Industries, que busca melhorar a vida de ex-detentos e pessoas que já se envolveram com gangues na cidade da Califórnia. Juntamente a estes indivíduos, Harry e Meghan prepararam a comida, feita para ser entregue a jovens e idosos que estão em situação de risco, tanto de saúde como financeiro, em decorrência do novo coronavírus.

- Acho que agora que eles estão em Los Angeles, eles são o verdadeiro negócio, esses dois. Eles realmente querem causar impacto, então eu lhes dou muito crédito, porque acho que seus corações e mentes estão no lugar certo, revelou Greg Boyle, fundador da organização, conforme noticiado pela Us Magazine.

Segundo relato, ficou claro para todos os trabalhadores que Meghan e Harry não queriam apenas conversar, mas sim participar das atividades. Além disso, Greg Boyle também revelou que já conhecia a ex-atriz antes mesmo dela fazer parte da família real britânica, visto que ela já havia trabalhado voluntariamente aos 20 anos de idade na companhia de sua mãe, Doria Ragland.

Na ocasião, inclusive, Harry deixou de lado as regras da quarentena e confortou uma mulher que havia perdido o marido. De acordo com o fundador, o duque a abraçou assim que soube de sua história.

- Harry foi imediato. Ele apenas a abraçou e a abraçou por um longo tempo. Foi muito, muito emocionante.

A participação de Meghan e Harry no projeto também foi muito importante, visto que eles conversaram bastante sobre o impacto do novo coronavírus com os presentes.

O casal, inclusive, fechou recentemente um contrato com a agência Harry Walker, responsável por organizar circuitos de palestras. Dentre os clientes de destaque, estão Bill e Hillary Clinton, Barack Obama e Oprah Winfrey. A informação é do jornal LA Times, que entrou em contato com um especialista em relações públicas chamado Mark Borkowski para falar sobre os planos do casal.

- Eles planejam estar disponíveis para conversas sobre questões sociais, incluindo justiça racial, igualdade de gênero, meio ambiente e saúde mental. Estou surpreso que eles não tenham feito isso antes. Será um dos grandes geradores de renda para eles. O circuito do orador é um espaço natural seguro para eles lucrarem, afirmou, revelando também que Meghan e Harry podem chegar a receber cerca de um milhão de dólares, cerca de cinco milhões e 350 mil reais, a cada discurso.

Se juntar à agência Harry Walker é uma das principais atividades do casal depois que ambos deixaram a família real em janeiro deste ano, após uma série de rumores envolvendo desavenças entre os membros da realeza com Meghan Markle. Tais problemas ficaram ainda mais evidentes atualmente por conta do lançamento de um livro chamado Kensington Palace: An Intimate Memoir from Queen Mary to Meghan Markle, em português Palácio de Kensington: Um Relato Íntimo desde os Tempos da Rainha Mary à Meghan Markle.

Escrita por Tom Quinn, um correspondente da realeza britânica, a obra promete entregar diversos detalhes, incluindo apelidos nada carinhosos que Meghan recebeu enquanto morava no Reino Unido. Segundo o portal Fox News, a ex-atriz era chamada Me-Gain, algo como Sempre Eu, porque tinha fama de ser diferentona e, por vezes, mau humorada.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;