Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 28 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Tailândia elege empresária primeira-ministra



05/08/2011 | 02:49


Os parlamentares tailandeses escolheram a empresária Yingluck Shinawatra, de 44 anos, primeira-ministra. É a primeira mulher a ocupar o cargo na Tailândia. Ela será a nova chefe de governo de um país com grande divisão política. A Câmara baixa do Parlamento aprovou nesta sexta-feira a eleição de Yingluck, por 296 votos a favor, dentre os 500 membros da casa. Houve 197 abstenções e três parlamentares votaram contra. A escolha de Yingluck ocorreu um mês após sua vitória nas eleições legislativas, à frente de seu partido, o Puea Thai (dos Tailandeses), ocorridas em 3 de julho, quando a oposição apontou irregularidades durante a campanha eleitoral.

A empresária será a 28ª a ocupar o cargo de premiê e a 5ª desde que seu irmão, Thaksin Shinawatra, foi derrubado por um golpe militar, em 2006. Aliás, a principal missão da nova primeira-ministra, vinda do ramo empresarial e com pouca experiência política, será estabilizar a Tailândia, que vive uma crise iniciada com o golpe militar. Antes de tomar posse oficialmente, Yingluck deverá ser endossada, nos próximos dias, pelo rei Bhumibol Adulyadej, em cerimônia restrita. As informações são da Associated Press.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Tailândia elege empresária primeira-ministra


05/08/2011 | 02:49


Os parlamentares tailandeses escolheram a empresária Yingluck Shinawatra, de 44 anos, primeira-ministra. É a primeira mulher a ocupar o cargo na Tailândia. Ela será a nova chefe de governo de um país com grande divisão política. A Câmara baixa do Parlamento aprovou nesta sexta-feira a eleição de Yingluck, por 296 votos a favor, dentre os 500 membros da casa. Houve 197 abstenções e três parlamentares votaram contra. A escolha de Yingluck ocorreu um mês após sua vitória nas eleições legislativas, à frente de seu partido, o Puea Thai (dos Tailandeses), ocorridas em 3 de julho, quando a oposição apontou irregularidades durante a campanha eleitoral.

A empresária será a 28ª a ocupar o cargo de premiê e a 5ª desde que seu irmão, Thaksin Shinawatra, foi derrubado por um golpe militar, em 2006. Aliás, a principal missão da nova primeira-ministra, vinda do ramo empresarial e com pouca experiência política, será estabilizar a Tailândia, que vive uma crise iniciada com o golpe militar. Antes de tomar posse oficialmente, Yingluck deverá ser endossada, nos próximos dias, pelo rei Bhumibol Adulyadej, em cerimônia restrita. As informações são da Associated Press.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;