Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 10 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Motorista que bateu a 200 km/h tem alta e vai para a cadeia


Camila Galvez
Do Diário do Grande ABC

23/08/2011 | 07:30


O garçom Thiago Gomes dos Santos Vidal, 25 anos, saiu ontem do Pronto-Socorro Central direto para o Centro de Detenção Provisória de São Bernardo. Ele conduzia o Vectra envolvido em acidente na madrugada de domingo, na Avenida Lauro Gomes, que vitimou o chapeiro Pedro Alexandre da Cruz, 31. Vidal não possui carteira de habilitação.

O condutor e mais três amigos saíram alcoolizados de um forró no Rudge Ramos. No PS, Vidal assumiu ter bebido e não se recusou a fazer os exames que detectam a presença de álcool no organismo.

Vidal perdeu o controle do veículo ao fazer uma curva na altura do número 4.300 da avenida. Ele bateu em uma árvore e, em seguida, em um poste. Outros dois passageiros ficaram feridos. Um deles, Manoel Assis Ferreira, 31, foi encaminhado ao Pronto-Socorro Central de São Bernardo com escoriações e suspeita de traumatismo craniano, que não se confirmou. Ele foi liberado ontem, por volta do meio-dia.

Como foi pego em flagrante, o garçom recebeu voz de prisão por homicídio doloso, por ter assumido o risco de matar, lesão corporal, dirigir embriagado e sem habilitação.

Segundo informações do advogado do garçom, Bruno Norberto Porto, a linha de defesa não está definida. "Aguardamos laudos e documentação que deverão ser concluídos no fim desta semana."



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Motorista que bateu a 200 km/h tem alta e vai para a cadeia

Camila Galvez
Do Diário do Grande ABC

23/08/2011 | 07:30


O garçom Thiago Gomes dos Santos Vidal, 25 anos, saiu ontem do Pronto-Socorro Central direto para o Centro de Detenção Provisória de São Bernardo. Ele conduzia o Vectra envolvido em acidente na madrugada de domingo, na Avenida Lauro Gomes, que vitimou o chapeiro Pedro Alexandre da Cruz, 31. Vidal não possui carteira de habilitação.

O condutor e mais três amigos saíram alcoolizados de um forró no Rudge Ramos. No PS, Vidal assumiu ter bebido e não se recusou a fazer os exames que detectam a presença de álcool no organismo.

Vidal perdeu o controle do veículo ao fazer uma curva na altura do número 4.300 da avenida. Ele bateu em uma árvore e, em seguida, em um poste. Outros dois passageiros ficaram feridos. Um deles, Manoel Assis Ferreira, 31, foi encaminhado ao Pronto-Socorro Central de São Bernardo com escoriações e suspeita de traumatismo craniano, que não se confirmou. Ele foi liberado ontem, por volta do meio-dia.

Como foi pego em flagrante, o garçom recebeu voz de prisão por homicídio doloso, por ter assumido o risco de matar, lesão corporal, dirigir embriagado e sem habilitação.

Segundo informações do advogado do garçom, Bruno Norberto Porto, a linha de defesa não está definida. "Aguardamos laudos e documentação que deverão ser concluídos no fim desta semana."

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;