Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 28 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Ariel Sharon é transferido para hospital de Tel Aviv


Da AFP

28/05/2006 | 17:29


O ex-primeiro-ministro de Israel, Ariel Sharon, em coma desde janeiro depois de sofrer um derrame cerebral, foi transferido sob forte esquema de segurança, na manhã deste domingo, do hospital Hadassah de Jerusalém para o de Shiba, em Tel Aviv.

O hospital Tel Hashomer Shiba dispõe de médicos especializados no tratamento das vítimas de derrames cerebrais. Desde sua internação no hospital Hadassah, no dia 4 de janeiro, Sharon, de 78 anos, não saiu do estado de coma e sua condição é considerada "grave, mas estável".

Ariel Sharon deve ser tratado para reforçar as capacidades respiratórias e reduzir a dependência dos aparelhos, que mantêm sua vida atualmente.

A unidade do hospital Shiba registra 80% de êxito com pacientes que podem respirar sem ajuda de aparelhos, segundo os meios de comunicação, mas a rádio militar, que citou especialistas médicos, afirmou que não existe quase nenhuma possibilidade de Sharon recuperar a consciência.

Sharon foi declarado incapacitado para exercer o poder. Ehud Olmert o sucedeu como primeiro-ministro interino e depois como premier oficial depois de sua vitória das legislativas de 28 de março passado.

"O tratamento dado visa que ele não continue dependendo da assistência respiratória. Estabelecemos uma estratégia de vários meses", afirmou o professor Zeev Rothsetein, diretor do hospital Shiba.

"Para um homem de sua idade, em coma e sob respiração artificial, cada etapa do tratamento coloca sua vida em perigo e, por isso, o processo levará tempo", acrescentou.

"Os especialistas só dão ínfimas possibilidades em um caso como o dele, mas temos fé", disse ainda Rothstein.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ariel Sharon é transferido para hospital de Tel Aviv

Da AFP

28/05/2006 | 17:29


O ex-primeiro-ministro de Israel, Ariel Sharon, em coma desde janeiro depois de sofrer um derrame cerebral, foi transferido sob forte esquema de segurança, na manhã deste domingo, do hospital Hadassah de Jerusalém para o de Shiba, em Tel Aviv.

O hospital Tel Hashomer Shiba dispõe de médicos especializados no tratamento das vítimas de derrames cerebrais. Desde sua internação no hospital Hadassah, no dia 4 de janeiro, Sharon, de 78 anos, não saiu do estado de coma e sua condição é considerada "grave, mas estável".

Ariel Sharon deve ser tratado para reforçar as capacidades respiratórias e reduzir a dependência dos aparelhos, que mantêm sua vida atualmente.

A unidade do hospital Shiba registra 80% de êxito com pacientes que podem respirar sem ajuda de aparelhos, segundo os meios de comunicação, mas a rádio militar, que citou especialistas médicos, afirmou que não existe quase nenhuma possibilidade de Sharon recuperar a consciência.

Sharon foi declarado incapacitado para exercer o poder. Ehud Olmert o sucedeu como primeiro-ministro interino e depois como premier oficial depois de sua vitória das legislativas de 28 de março passado.

"O tratamento dado visa que ele não continue dependendo da assistência respiratória. Estabelecemos uma estratégia de vários meses", afirmou o professor Zeev Rothsetein, diretor do hospital Shiba.

"Para um homem de sua idade, em coma e sob respiração artificial, cada etapa do tratamento coloca sua vida em perigo e, por isso, o processo levará tempo", acrescentou.

"Os especialistas só dão ínfimas possibilidades em um caso como o dele, mas temos fé", disse ainda Rothstein.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;