Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 25 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Consórcio pede verba do Estado e da União para prevenir dengue

Celso Luiz/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Objetivo é intensificar ações de combate ao Aedes aegypti; região tem 19 casos da doença


Yasmin Assagra
Do Diário do Grande ABC

12/02/2020 | 07:00


O Consórcio Intermunicipal do Grande ABC enviará ofício, até sexta-feira, aos governos estadual e federal para solicitar auxílio financeiro para a realização de ações de prevenção e combate à dengue. A iniciativa, aprovada durante assembleia mensal da entidade regional, na manhã de ontem, coincide com a primeira semana de mobilização contra o Aedes aegypti de 2020.

O valor da ajuda externa para as atividades regionais será definida pelo GT (Grupo de Trabalho) Saúde. Presidente da entidade regional e prefeito de Rio Grande da Serra, Gabriel Maranhão (Cidadania) destacou apenas que, atualmente, os auxílios recebidos são insuficientes para as ações preventivas. “Nossa sugestão é que o governo do Estado auxilie a tratar a larva do mosquito e não a dengue em estágio mais avançado. A eficiência é melhor e o custo é menor para toda a sociedade”, afirma.

A ideia é complementar ações já realizadas pelas prefeituras e iniciativa privada na região. A Ecovias, concessionária responsável pelo SAI (Sistema Anchieta-Imigrantes) e a SPMar, que gerencia os trechos Leste e Sul do Rodoanel Mário Covas, realizam mutirão nas rodovias nesta semana para remoção de lixo.

O trabalho regional visa o engajamento da sociedade em atividades focadas no controle da proliferação do mosquito causador da dengue, zika vírus e febre Chikungunya. “O foco são os criadouros domiciliares, além de escolas e indústrias, que também são grandes potenciais. O objetivo é trabalhar diretamente com a população”, destaca a diretora do Centro de Vigilância do Estado, Maria do Carmo Rodrigues dos Santos.

A preocupação em torno do tema leva em conta alta de 2.152,56% nos casos de dengue no Grande ABC no ano passado. O número de contaminações passou de 78 para 1.758 – houve duas mortes, em Mauá. Neste ano, balanço das prefeituras indica 19 pacientes infectados em São Bernardo, São Caetano, Mauá e Ribeirão Pires.

CORONAVÍRUS

O novo coronavírus também foi discutido na reunião mensal. Diretora de imunização da Secretaria da Saúde do Estado, Helena Sato pontua que São Paulo segue com três casos suspeitos da doença (dois na Capital e um em Barueri). Neste caso, a orientação é para a manutenção da vigilância. “A principal prevenção da doença é a informação”, observa Helena.

São considerados casos suspeitos pessoas que apresentam febre alta, problemas respiratórios e que tenham vindo da China nos últimos 14 dias. Os pacientes ficam em isolamento domiciliar para avaliação adequada.

Equipe técnica vai vistoriar área do Piscinão Jaboticabal na sexta-feira

A equipe técnica do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC informou ontem que pretende vistoriar o terreno do futuro Piscinão Jaboticabal, que será construído nos limites dos municípios de São Paulo, São Bernardo e São Caetano, na sexta-feira. O equipamento deve amenizar as enchentes na região dos ribeirões dos Couros e dos Meninos, próximos à Via Anchieta.

Segundo o secretário executivo da entidade regional, Edgard Brandão, a visita pretende fazer o reconhecimento da área desapropriada para construção do piscinão, que terá capacidade para armazenar cerca de 910 mil metros cúbicos de águas pluviais. Para a obra, foram desapropriados 166,9 mil metros quadrados do terreno. O processo é de responsabilidade do Daee (Departamento de Águas e Energia Elétrica).

O governo de São Paulo prevê o início das obras do Jaboticabal ainda neste semestre, com a estimativa de entregar o reservatório em agosto do ano que vem. O custo total do piscinão está orçado em R$ 400 milhões.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Consórcio pede verba do Estado e da União para prevenir dengue

Objetivo é intensificar ações de combate ao Aedes aegypti; região tem 19 casos da doença

Yasmin Assagra
Do Diário do Grande ABC

12/02/2020 | 07:00


O Consórcio Intermunicipal do Grande ABC enviará ofício, até sexta-feira, aos governos estadual e federal para solicitar auxílio financeiro para a realização de ações de prevenção e combate à dengue. A iniciativa, aprovada durante assembleia mensal da entidade regional, na manhã de ontem, coincide com a primeira semana de mobilização contra o Aedes aegypti de 2020.

O valor da ajuda externa para as atividades regionais será definida pelo GT (Grupo de Trabalho) Saúde. Presidente da entidade regional e prefeito de Rio Grande da Serra, Gabriel Maranhão (Cidadania) destacou apenas que, atualmente, os auxílios recebidos são insuficientes para as ações preventivas. “Nossa sugestão é que o governo do Estado auxilie a tratar a larva do mosquito e não a dengue em estágio mais avançado. A eficiência é melhor e o custo é menor para toda a sociedade”, afirma.

A ideia é complementar ações já realizadas pelas prefeituras e iniciativa privada na região. A Ecovias, concessionária responsável pelo SAI (Sistema Anchieta-Imigrantes) e a SPMar, que gerencia os trechos Leste e Sul do Rodoanel Mário Covas, realizam mutirão nas rodovias nesta semana para remoção de lixo.

O trabalho regional visa o engajamento da sociedade em atividades focadas no controle da proliferação do mosquito causador da dengue, zika vírus e febre Chikungunya. “O foco são os criadouros domiciliares, além de escolas e indústrias, que também são grandes potenciais. O objetivo é trabalhar diretamente com a população”, destaca a diretora do Centro de Vigilância do Estado, Maria do Carmo Rodrigues dos Santos.

A preocupação em torno do tema leva em conta alta de 2.152,56% nos casos de dengue no Grande ABC no ano passado. O número de contaminações passou de 78 para 1.758 – houve duas mortes, em Mauá. Neste ano, balanço das prefeituras indica 19 pacientes infectados em São Bernardo, São Caetano, Mauá e Ribeirão Pires.

CORONAVÍRUS

O novo coronavírus também foi discutido na reunião mensal. Diretora de imunização da Secretaria da Saúde do Estado, Helena Sato pontua que São Paulo segue com três casos suspeitos da doença (dois na Capital e um em Barueri). Neste caso, a orientação é para a manutenção da vigilância. “A principal prevenção da doença é a informação”, observa Helena.

São considerados casos suspeitos pessoas que apresentam febre alta, problemas respiratórios e que tenham vindo da China nos últimos 14 dias. Os pacientes ficam em isolamento domiciliar para avaliação adequada.

Equipe técnica vai vistoriar área do Piscinão Jaboticabal na sexta-feira

A equipe técnica do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC informou ontem que pretende vistoriar o terreno do futuro Piscinão Jaboticabal, que será construído nos limites dos municípios de São Paulo, São Bernardo e São Caetano, na sexta-feira. O equipamento deve amenizar as enchentes na região dos ribeirões dos Couros e dos Meninos, próximos à Via Anchieta.

Segundo o secretário executivo da entidade regional, Edgard Brandão, a visita pretende fazer o reconhecimento da área desapropriada para construção do piscinão, que terá capacidade para armazenar cerca de 910 mil metros cúbicos de águas pluviais. Para a obra, foram desapropriados 166,9 mil metros quadrados do terreno. O processo é de responsabilidade do Daee (Departamento de Águas e Energia Elétrica).

O governo de São Paulo prevê o início das obras do Jaboticabal ainda neste semestre, com a estimativa de entregar o reservatório em agosto do ano que vem. O custo total do piscinão está orçado em R$ 400 milhões.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;