Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 3 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Canadá parabeniza coalizão por captura de Saddam Hussein


Da AFP

14/12/2003 | 17:40


O primeiro-ministro do Canadá, Paul Martin, parabenizou neste domingo as forças da coalizão anglo-americana pela prisão do ex-presidente iraquiano Saddam Hussein. Martin disse estar "convencido de que ele será julgado por um tribunal internacional competente".

"Em nome dos canadenses, gostaria de felicitar o povo iraquiano, o Conselho de Governo de Transição e as forças da coalizão pela captura do ex-ditador Saddam Hussein", declarou o novo premiê canadense, que enviou telegramas ao presidente americano, George W. Bush, e ao primeiro-ministro britânico, Tony Blair.

"Este feliz acontecimento, assim como o fato de que Saddam Hussein enfrentará a Justiça, aumentará as possibilidades de uma rápida reconciliação que abra a porta para o retorno do Iraque ao seio da comunidade das Nações".

Paul Martin disse estar "convencido de que Saddam Hussein será julgado por um tribunal internacional competente", como foi o caso dos criminosos na ex-Iugoslávia e no Camboja, "em um processo justo e confiável".



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Canadá parabeniza coalizão por captura de Saddam Hussein

Da AFP

14/12/2003 | 17:40


O primeiro-ministro do Canadá, Paul Martin, parabenizou neste domingo as forças da coalizão anglo-americana pela prisão do ex-presidente iraquiano Saddam Hussein. Martin disse estar "convencido de que ele será julgado por um tribunal internacional competente".

"Em nome dos canadenses, gostaria de felicitar o povo iraquiano, o Conselho de Governo de Transição e as forças da coalizão pela captura do ex-ditador Saddam Hussein", declarou o novo premiê canadense, que enviou telegramas ao presidente americano, George W. Bush, e ao primeiro-ministro britânico, Tony Blair.

"Este feliz acontecimento, assim como o fato de que Saddam Hussein enfrentará a Justiça, aumentará as possibilidades de uma rápida reconciliação que abra a porta para o retorno do Iraque ao seio da comunidade das Nações".

Paul Martin disse estar "convencido de que Saddam Hussein será julgado por um tribunal internacional competente", como foi o caso dos criminosos na ex-Iugoslávia e no Camboja, "em um processo justo e confiável".

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;