Fechar
Publicidade

Sábado, 16 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Mulher é assassinada por motoqueiros em Bauru


Da AE

15/04/2006 | 09:25


Rita Rodrigues da Conceição, 54 anos, foi assassinada em Bauru, no interior de São Paulo, enquanto conversava com a vizinha, na rua Antônio Milagre, no bairro Jardim Vitória.

De acordo com informações da vizinha, prestadas para a polícia, as duas conversavam quando, dois homens chegaram de moto. Um deles sacou a arma de fogo e deu três tiros, um deles acertou a cabeça de Rita. Após o crime, os desconhecidos fugiram sem deixar pistas.

Os moradores do bairro ficaram inconformados com o crime, tendo em vista que Rita era querida no bairro e mantinha um bom relacionamento com todos. Rita era casada e tinha três filhos.

A polícia acredita em vingança. Um dos netos de Rita está detido na Febem (Fundação Estadual do Bem-Estar do Menor), acusado de matar o sogro.

Por isso, o adolescente recebia ameaças de que alguém de sua família seria assassinado.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mulher é assassinada por motoqueiros em Bauru

Da AE

15/04/2006 | 09:25


Rita Rodrigues da Conceição, 54 anos, foi assassinada em Bauru, no interior de São Paulo, enquanto conversava com a vizinha, na rua Antônio Milagre, no bairro Jardim Vitória.

De acordo com informações da vizinha, prestadas para a polícia, as duas conversavam quando, dois homens chegaram de moto. Um deles sacou a arma de fogo e deu três tiros, um deles acertou a cabeça de Rita. Após o crime, os desconhecidos fugiram sem deixar pistas.

Os moradores do bairro ficaram inconformados com o crime, tendo em vista que Rita era querida no bairro e mantinha um bom relacionamento com todos. Rita era casada e tinha três filhos.

A polícia acredita em vingança. Um dos netos de Rita está detido na Febem (Fundação Estadual do Bem-Estar do Menor), acusado de matar o sogro.

Por isso, o adolescente recebia ameaças de que alguém de sua família seria assassinado.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;