Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 3 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Pais querem que colégio da Fundação seja reestruturado


Rodrigo Cipriano
Do Diário do Grande ABC

17/06/2007 | 07:36


O colégio da Fundação Santo André pode ter suas estruturas administrativa, financeira e pedagógica alteradas. A proposta foi aprovada sábado em assembléia que reuniu pais, alunos e professores, e será apresentada no próximo dia 20 ao conselho estudantil. A iniciativa é uma tentativa de recuperar status do colégio, que neste ano não formou turmas para o 1º ano do ensino médio.

Na reunião, realizada no auditório da Câmara Municipal de Santo André, não foram definidos os caminhos da reestruturação. A comissão, formada por pais de alunos, afirma que o reitor da Fundação, Odair Bermelho, irá se pronunciar em agosto sobre a reformulação. Depende dele a implantação do novo formato.

A diretora do colégio, Ana Paula Mazza Cruz garante que os alunos já matriculados vão concluir o ensino médio na instituição, apesar da quantidade de estudantes por sala ser menor que os 45 exigidos. A baixa procura foi o motivo para a não-abertura de salas do 1º ano em 2007.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Pais querem que colégio da Fundação seja reestruturado

Rodrigo Cipriano
Do Diário do Grande ABC

17/06/2007 | 07:36


O colégio da Fundação Santo André pode ter suas estruturas administrativa, financeira e pedagógica alteradas. A proposta foi aprovada sábado em assembléia que reuniu pais, alunos e professores, e será apresentada no próximo dia 20 ao conselho estudantil. A iniciativa é uma tentativa de recuperar status do colégio, que neste ano não formou turmas para o 1º ano do ensino médio.

Na reunião, realizada no auditório da Câmara Municipal de Santo André, não foram definidos os caminhos da reestruturação. A comissão, formada por pais de alunos, afirma que o reitor da Fundação, Odair Bermelho, irá se pronunciar em agosto sobre a reformulação. Depende dele a implantação do novo formato.

A diretora do colégio, Ana Paula Mazza Cruz garante que os alunos já matriculados vão concluir o ensino médio na instituição, apesar da quantidade de estudantes por sala ser menor que os 45 exigidos. A baixa procura foi o motivo para a não-abertura de salas do 1º ano em 2007.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;