Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 13 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

SOS Bairros - S.Bernardo tira Eletropaulo da manutenção da rede


Marco Borba
Do Diário do Grande ABC

26/06/2007 | 07:09


A Eletropaulo não é mais responsável desde o último dia 16 pelos serviços de manutenção da rede de iluminação pública de São Bernardo. A tarefa agora fica a cargo da Consladel, empresa que no ano passado venceu a licitação para executar serviços como a troca de lâmpadas de ruas, praças e avenidas, além da substituição de cabos de iluminação caso apresentem problemas ou sejam furtados, algo rotineiro na cidade.

De acordo com o diretor do Departamento de Concessões da Secretaria de Obras, Mauro Valeri, a troca ocorreu por conta das reclamações de munícipes quanto à demora na prestação de serviços por parte da Eletropaulo. “Levavam, em média, sete dias para uma troca de lâmpada ou cabos. Alguns casos demoravam até mais, 20 dias.”

A Prefeitura garante que agora o serviço será mais ágil, a troca de lâmpadas em até 48 horas e a de cabos, em 72 horas.<EM>Segundo Valeri, a Prefeitura vai desembolsar pelos serviços “praticamente” o mesmo valor pago à Eletropaulo, R$ 6,17 por lâmpada trocada.

Até o último dia 16, São Bernardo tinha 700 pontos sem iluminação. Os reparos com pedidos feitos até aquela data serão realizados pela Eletropaulo.

Segundo o diretor regional, Radamés Mainardi, o prejuízo da Eletropaulo entre janeiro e maio deste ano com o furtos de 9,9 quilômetros de cabos da rede de energia foi de cerca de R$ 46 mil. No Grande ABC, aponta, no mesmo período foram furtados 21,6 quilômetros de cabos. O prejuízo girou em torno de R$ 102 mil.

Na região, a Eletropaulo continua responsável pela manutenção da iluminação pública em Santo André, Diadema e São Caetano.

O atendimento a quem mora em São Bernardo agora é feito pela Prefeitura, pelo 08007711159. A Eletropaulo manteve o 08007272196, que informa a mudança na prestação do serviço.

Jardim Cruzeiro/Mauá
Eles pulam a janela e sobem as paredes. Perturbam o sono da vizinhança e aparecem até dentro dos fogões. Os ratos se transformaram no grande tormento dos moradores do bairro.

Eles começaram a infestar a região há aproximadamente dois anos, segundo os moradores, e estão nas casas, escolas vizinhas e até em um asilo.

O líder da Associação Amigos do Bairro Jardim Cruzeiro, João Marcos de Souza, 35 anos, estima que já matou mais de 100 deles. Uma média de três por semana.

“A situação é insuportável. Outro dia deixei um pacote de biscoitos do meu lado na cama e na manhã seguinte ele estava todo comido pelos ratos no quintal”. Souza já pegou vários dentro da cozinha, e até no forno.

A Prefeitura alega que fez a última desratização no bairro ainda em abril, mas que fará uma nova nos próximos dias.

V.Príncipe de Gales/Santo André
Os problemas com o trânsito na Rua Grã-Bretanha continuam sem solução. Desde o final de 2005, o Departamento de Trânsito faz estudos para a instalação de um semáforo e um controlador de velocidade na via, mas até agora nada foi feito.

A via é perpendicular à Avenida Príncipe de Gales e dá acesso ao município de São Bernardo. Além do fluxo intenso de carros, os motoristas não respeitam o limite de velocidade.

A dona de casa Maria Helena Brito, 51 anos, teve o seu carro e de sua vizinha amassados enquanto estavam estacionados, por um caminhão em alta velocidade.

“Além desses acidentes com os carros, muitos cachorros são atropelados. São três, quatro toda semana”, informou Maria Helena.<EM>

O Departamento de Trânsito e Fiscalização disse que fará um reforço nos sinais e aumentará a fiscalização da via ainda este mês nos locais mais problemáticos.

Segundo o departamento, houve um atraso no cronograma, mas estão em andamento estudos técnicos para a implantação de novos pontos de controle das infrações.

Bairro Jardim/Santo André
A Prefeitura de Santo André informou que abrirá licitação para escolher a empresa que ficará responsável por fazer a manutenção das placas na entrada do Parque Celso Daniel.

Em 12 de junho, o Diário publicou a reclamação de freqüentadores do espaço sobre as peças nas duas entradas do parque, nas avenidas D. Pedro II e Industrial. Ambas estão deterioradas, com pichações e a estrutura metálica corroída pela ferrugem.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

SOS Bairros - S.Bernardo tira Eletropaulo da manutenção da rede

Marco Borba
Do Diário do Grande ABC

26/06/2007 | 07:09


A Eletropaulo não é mais responsável desde o último dia 16 pelos serviços de manutenção da rede de iluminação pública de São Bernardo. A tarefa agora fica a cargo da Consladel, empresa que no ano passado venceu a licitação para executar serviços como a troca de lâmpadas de ruas, praças e avenidas, além da substituição de cabos de iluminação caso apresentem problemas ou sejam furtados, algo rotineiro na cidade.

De acordo com o diretor do Departamento de Concessões da Secretaria de Obras, Mauro Valeri, a troca ocorreu por conta das reclamações de munícipes quanto à demora na prestação de serviços por parte da Eletropaulo. “Levavam, em média, sete dias para uma troca de lâmpada ou cabos. Alguns casos demoravam até mais, 20 dias.”

A Prefeitura garante que agora o serviço será mais ágil, a troca de lâmpadas em até 48 horas e a de cabos, em 72 horas.<EM>Segundo Valeri, a Prefeitura vai desembolsar pelos serviços “praticamente” o mesmo valor pago à Eletropaulo, R$ 6,17 por lâmpada trocada.

Até o último dia 16, São Bernardo tinha 700 pontos sem iluminação. Os reparos com pedidos feitos até aquela data serão realizados pela Eletropaulo.

Segundo o diretor regional, Radamés Mainardi, o prejuízo da Eletropaulo entre janeiro e maio deste ano com o furtos de 9,9 quilômetros de cabos da rede de energia foi de cerca de R$ 46 mil. No Grande ABC, aponta, no mesmo período foram furtados 21,6 quilômetros de cabos. O prejuízo girou em torno de R$ 102 mil.

Na região, a Eletropaulo continua responsável pela manutenção da iluminação pública em Santo André, Diadema e São Caetano.

O atendimento a quem mora em São Bernardo agora é feito pela Prefeitura, pelo 08007711159. A Eletropaulo manteve o 08007272196, que informa a mudança na prestação do serviço.

Jardim Cruzeiro/Mauá
Eles pulam a janela e sobem as paredes. Perturbam o sono da vizinhança e aparecem até dentro dos fogões. Os ratos se transformaram no grande tormento dos moradores do bairro.

Eles começaram a infestar a região há aproximadamente dois anos, segundo os moradores, e estão nas casas, escolas vizinhas e até em um asilo.

O líder da Associação Amigos do Bairro Jardim Cruzeiro, João Marcos de Souza, 35 anos, estima que já matou mais de 100 deles. Uma média de três por semana.

“A situação é insuportável. Outro dia deixei um pacote de biscoitos do meu lado na cama e na manhã seguinte ele estava todo comido pelos ratos no quintal”. Souza já pegou vários dentro da cozinha, e até no forno.

A Prefeitura alega que fez a última desratização no bairro ainda em abril, mas que fará uma nova nos próximos dias.

V.Príncipe de Gales/Santo André
Os problemas com o trânsito na Rua Grã-Bretanha continuam sem solução. Desde o final de 2005, o Departamento de Trânsito faz estudos para a instalação de um semáforo e um controlador de velocidade na via, mas até agora nada foi feito.

A via é perpendicular à Avenida Príncipe de Gales e dá acesso ao município de São Bernardo. Além do fluxo intenso de carros, os motoristas não respeitam o limite de velocidade.

A dona de casa Maria Helena Brito, 51 anos, teve o seu carro e de sua vizinha amassados enquanto estavam estacionados, por um caminhão em alta velocidade.

“Além desses acidentes com os carros, muitos cachorros são atropelados. São três, quatro toda semana”, informou Maria Helena.<EM>

O Departamento de Trânsito e Fiscalização disse que fará um reforço nos sinais e aumentará a fiscalização da via ainda este mês nos locais mais problemáticos.

Segundo o departamento, houve um atraso no cronograma, mas estão em andamento estudos técnicos para a implantação de novos pontos de controle das infrações.

Bairro Jardim/Santo André
A Prefeitura de Santo André informou que abrirá licitação para escolher a empresa que ficará responsável por fazer a manutenção das placas na entrada do Parque Celso Daniel.

Em 12 de junho, o Diário publicou a reclamação de freqüentadores do espaço sobre as peças nas duas entradas do parque, nas avenidas D. Pedro II e Industrial. Ambas estão deterioradas, com pichações e a estrutura metálica corroída pela ferrugem.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;