Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 8 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Número de mortos em
Bangladesh sobe para 761

Autoridades começaram a desembolsar salário e outros
benefícios para os sobreviventes do desastre industrial



08/05/2013 | 01:56


O número de mortos do desabamento de um edifício em Bangladesh, onde estavam instaladas cinco confecções, subiu para 761, de acordo com a Associated Press. As autoridades começaram a desembolsar salário e outros benefícios para os sobreviventes do pior desastre industrial do país.

 

A sala de controle que supervisiona as operações de resgate informou que as equipes de resgate recuperaram mais corpos durante a noite a partir dos destroços do edifício Rana Plaza, que possuía oito andares. O local estava cheio de trabalhadores do turno da manhã quando desabou em 24 de abril.

 

Não há indicação clara de quantos corpos permanecem nos escombros, uma vez que o número exato de pessoas no momento do desabamento é desconhecido. Mais de 2.500 pessoas foram resgatadas com vida.

 

Depois que centenas de trabalhadores protestaram por indenização na terça-feira, as autoridades começaram a desembolsar salários e outros benefícios. O major-general Hasan Suhrawardy Chowdhury, um oficial militar na região, disse que cerca de 400 trabalhadores se reuniram na terça-feira à noite para coletar benefícios e outras remunerações.

 

Autoridades ajudaram a Associação de Fabricantes e Exportadores de Vestuário de Bangladesh desembolsar o montante.

 

Rafiqul Islam, um funcionário da associação, disse que ainda tem de obter

a lista completa dos trabalhadores, mas o desembolso continuará gradualmente.

 

Segundo Islam, a instituição planeja se sentar com os representantes dos trabalhadores ainda nesta quarta-feira para discutir como poderia alcançar uma indenização adequada e outros auxílios financeiros para as vítimas. As informações são da Associated Press.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Número de mortos em
Bangladesh sobe para 761

Autoridades começaram a desembolsar salário e outros
benefícios para os sobreviventes do desastre industrial


08/05/2013 | 01:56


O número de mortos do desabamento de um edifício em Bangladesh, onde estavam instaladas cinco confecções, subiu para 761, de acordo com a Associated Press. As autoridades começaram a desembolsar salário e outros benefícios para os sobreviventes do pior desastre industrial do país.

 

A sala de controle que supervisiona as operações de resgate informou que as equipes de resgate recuperaram mais corpos durante a noite a partir dos destroços do edifício Rana Plaza, que possuía oito andares. O local estava cheio de trabalhadores do turno da manhã quando desabou em 24 de abril.

 

Não há indicação clara de quantos corpos permanecem nos escombros, uma vez que o número exato de pessoas no momento do desabamento é desconhecido. Mais de 2.500 pessoas foram resgatadas com vida.

 

Depois que centenas de trabalhadores protestaram por indenização na terça-feira, as autoridades começaram a desembolsar salários e outros benefícios. O major-general Hasan Suhrawardy Chowdhury, um oficial militar na região, disse que cerca de 400 trabalhadores se reuniram na terça-feira à noite para coletar benefícios e outras remunerações.

 

Autoridades ajudaram a Associação de Fabricantes e Exportadores de Vestuário de Bangladesh desembolsar o montante.

 

Rafiqul Islam, um funcionário da associação, disse que ainda tem de obter

a lista completa dos trabalhadores, mas o desembolso continuará gradualmente.

 

Segundo Islam, a instituição planeja se sentar com os representantes dos trabalhadores ainda nesta quarta-feira para discutir como poderia alcançar uma indenização adequada e outros auxílios financeiros para as vítimas. As informações são da Associated Press.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;