Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 29 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Senado instalará detectores de metais nas oito entradas do prédio


Da Agência Brasil

22/05/2006 | 18:41


Até o início do segundo semestre, o Departamento de Segurança do Senado instalará sensores de raio X e detectores de metais em cada uma das oito entradas do prédio. A informação é do diretor da Polícia do Senado, Pedro Ricardo Araújo Carvalho, acrescentando que o processo de licitação para a compra dos equipamentos está em andamento. A segurança da Câmara dos Deputados já utiliza esses equipamentos nos acessos à Casa.

A Polícia do Senado ainda não havia conseguido confirmar informação, publicada nesta segunda-feira na imprensa, de que a Abin (Agência Brasileira de Inteligência) teria interceptado uma conversa entre membros da facção PCC (Primeiro Comando da Capital). Na conversa, eles planejavam colocar uma bomba nas instalações do Congresso, mais precisamente na Câmara dos Deputados.

"Nós trabalhamos integrados com outras polícias (da Câmara, Civil, Militar e Federal). Tentamos confirmar a informação, mas até agora não conseguimos", disse o diretor da Polícia do Senado. Ele ressaltou que o trabalho dos agentes legislativos tem sido de inteligência e que só na segurança do Senado estão envolvidas mais de cem pessoas. A rotina da Casa, acrescentou, não será alterada por conta das informações publicadas na imprensa sobre um possível atentado.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Senado instalará detectores de metais nas oito entradas do prédio

Da Agência Brasil

22/05/2006 | 18:41


Até o início do segundo semestre, o Departamento de Segurança do Senado instalará sensores de raio X e detectores de metais em cada uma das oito entradas do prédio. A informação é do diretor da Polícia do Senado, Pedro Ricardo Araújo Carvalho, acrescentando que o processo de licitação para a compra dos equipamentos está em andamento. A segurança da Câmara dos Deputados já utiliza esses equipamentos nos acessos à Casa.

A Polícia do Senado ainda não havia conseguido confirmar informação, publicada nesta segunda-feira na imprensa, de que a Abin (Agência Brasileira de Inteligência) teria interceptado uma conversa entre membros da facção PCC (Primeiro Comando da Capital). Na conversa, eles planejavam colocar uma bomba nas instalações do Congresso, mais precisamente na Câmara dos Deputados.

"Nós trabalhamos integrados com outras polícias (da Câmara, Civil, Militar e Federal). Tentamos confirmar a informação, mas até agora não conseguimos", disse o diretor da Polícia do Senado. Ele ressaltou que o trabalho dos agentes legislativos tem sido de inteligência e que só na segurança do Senado estão envolvidas mais de cem pessoas. A rotina da Casa, acrescentou, não será alterada por conta das informações publicadas na imprensa sobre um possível atentado.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;